Travesti é assassinado a tiros na porta de casa na Bahia

De acordo com a mãe de Milson, Dinalva Vieira Ribeiro da Silva, ele usava drogas

O travesti Milson Augusto dos Santos, 21 anos, também conhecido por Samira, foi assassinado na porta de casa, na Boca do Rio, bairro popular de Salvador, por volta das 19h30 de quinta-feira.

Os três tiros que mataram Samira partiram de dois homens que passavam de motocicleta na rua. Ele foi atingido nas nádegas, costas e costela. Cápsulas de medicamentos foram encontradas juntos ao corpo e encaminhadas para investigação.

De acordo com a mãe de Milson, Dinalva Vieira Ribeiro da Silva, ele usava drogas, mas ela não acredita que o crime tenha relação com dívidas com o tráfico. Ela conta que o filho andava preocupado com uma desavença que teria tido havia cerca de um mês com uma mulher. O caso é investigado pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

Fonte: Terra, www.terra.com.br