Treinador de futebol é preso por pedofilia

Treinador de futebol é preso por pedofilia

Um treinador de futebol de Sorocaba, no interior de São Paulo, foi preso por suspeita de abuso sexual de três garotos. As mães dos meninos denunciaram o suspeito. De acordo com elas, quem deu o alerta foi um adolescente de 14 anos, que afirmou ter sido vítima do treinador.

Ainda segundo as mães, o treinador fazia promessas de encaminhar jovens para grandes clubes para atrair as vítimas. Na escolinha de futebol, dizem, as crianças eram obrigadas a ficar nuas, permitindo que o homem as acariciasse. Conforme o relato, os garotos eram levados à casa do treinador, onde tinham que assistir a filmes pornográficos.

Agressões

Ao chegar à casa do homem suspeito de abuso sexual, a polícia notou que ele estava machucado. O suspeito disse aos policiais que foi agredido por quatro homens. Segundo a polícia, as agressões foram motivadas por vingança, por causa das denúncias. O treinador não quis revelar a identidade dos agressores por medo de futuras represálias.

Entretanto, o homem negou que tenha abusado dos adolescentes e disse que as denúncias foram feitas porque os garotos são reservas no time.

A Delegacia de Defesa da Mulher, que investiga o caso, encaminhou os adolescentes para exame no Instituto Médico-Legal (IML) com o objetivo de identificar sinais de violência sexual. Um computador foi apreendido na casa do suspeito e irá passar por perícia.

A Polícia Civil disse que vai apurar se outros adolescentes também relataram abusos.

Fonte: po