Trio preso acusado de transportar eleitores ilegalmente é solto

Trio é acusado de transportar eleiores ilegalmente do DF para o PI

No sábado dia 01 de outubro, que antecedeu as eleições municipais deste ano, três  motoristas foram presos acusados de participar de um suposto esquema de transporte ilegal de eleitores vindos de Brasília, no Distrito Federal, à Cristino Castro, no Piauí. O valor da fiança foi de 05 salários mínimos (R$ 4.440,00 atualmente).

Os três foram presos após uma denúncia anônima afirmando que os três estavam transportando eleitores de forma ilegal. A Polícia Rodoviária Federal do Piauí (PRF) foi acionada e verificou a veracidade dos fatos, sendo o trio foi autuado em flagrante na BR-135, KM 360, já na zona rural de Bom Jesus.

Ainda segundo a polícia, o ônibus tinha 40 passageiros no momento da abordagem. Todos os indícios inicialmente apurados apontavam um possível crime eleitoral. Os motoristas, passageiros e um homem de nome Maurício, um dos acusados de participar deste suposto crime eleitoral, foram ouvidos.

Presos desde o dia 01, pagaram fiança no valor de 05 salários mínimos (R$ 4.440,00) e foram liberados logo em seguida. 

Ônibus também foi apreendido (Crédito: Divulgação/PRF)
Ônibus também foi apreendido (Crédito: Divulgação/PRF)



Fonte: Portal Meio Norte