Um morre e dois ficam feridos após briga por R$ 0,15

O comerciante e os quatro homens começaram a discutir e chegaram a agressões físicas

Um homem morreu em troca de tiros ocorrida em conveniência do bairro Caiobá, em Campo Grande. Segundo a Polícia Civil, a confusão começou depois de discussão iniciada entre quatro clientes e os proprietários do estabelecimento, por causa de diferença de R$ 0,15 na conta.

De acordo com registro da ocorrência, os quatro homens estavam bebendo na conveniência por volta da 0h30 (horário de MS). Quando foram embora, pagaram a conta. O proprietário disse que ainda faltavam R$ 0,15 para fechar a dívida. Um dos homens entregou uma nota de R$ 50 e queria que o comerciante devolvesse R$ 49,85.

O comerciante e os quatro homens começaram a discutir e chegaram a agressões físicas. Os clientes foram embora e, segundo registro policial, disseram que voltariam para ?quebrar tudo?. Pouco tempo depois, os quatro voltaram. O pai e o irmão do dono da conveniência, que estavam no local, disseram à polícia que eles chegaram atirando em direção ao estabelecimento.

O pai e o irmão do dono conveniência, que estavam armados, disseram à polícia que revidaram os tiros e acertaram três dos quatro suspeitos. Um dos clientes morreu no local com tiro na cabeça. Outros dois ficaram feridos e foram levados para Santa Casa de Campo Grande. O quarto homem fugiu e não foi identificado pela polícia.

O pai e o irmão do proprietário do estabelecimento foram detidos em flagrante por homicídio doloso e tentativa de homicídio e estão sendo interrogados. A polícia recolheu as armas deles, duas armas calibres 32 e 22. Não foi encontrada nenhuma arma com os clientes envolvidos na confusão. O caso foi registrado pela Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário.

Fonte: G1