Universitária é morta na frente da filha em tentativa de assalto no RJ

O marido da vítima é sargento do Corpo de Bombeiros e classificou a ação dos criminosos como "covarde"

Será enterrado nesta segunda-feira o corpo da universitária Jaqueline Madeira do Nascimento, de 29 anos, assassinada a tiros na noite deste sábado, na frente da filha de 2 anos, durante uma tentativa de assalto no bairro do Colégio, na zona norte do Rio de Janeiro. As informações são da Rádio CBN.

O marido da vítima é sargento do Corpo de Bombeiros e classificou a ação dos criminosos como "covarde". Eles teriam notado que havia uma criança no carro, quando abordaram Jacqueline na porta de casa, mas teriam atirado mesmo assim. Na residência, o bombeiro escutou os tiros e correu para fora, mas, quando chegou, já encontrou a mulher morta. A criança escapou sem ferimentos.

Fonte: Terra