Usuário de droga enforca própria mulher por ela pedir fim do vício

Usuário de droga enforca própria mulher por ela pedir fim do vício

Criminoso confessou o crime e disse que não é "digno de viver em sociedade"

Um usuário de cocaína enforcou a própria mulher em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, no final da noite desse domingo (23). O crime ocorreu dentro da casa do casal, na rua Soledade, no bairro São Caetano, e foi descoberto por meio de denúncias de vizinhos.

Assustados com os gritos de Sônia Cristina da Silva, de 32 anos, os denunciantes acionaram os militares do 18º Batalhão da Polícia Militar.

Na residência indicada, os policiais se depararam com Jader Vinícius Prata, de 33 anos. Ele estava transtornado perto do seu Fiat Palio parado na garagem do imóvel. Já o corpo da vítima foi achado no banco passageiro do veículo.

O cadáver apresentava escoriações na região do pescoço e, ao ser questionado sobre o que ocorreu com Sônia, Prata confessou ter enforcado a companheira e foi preso em flagrante.

Segundo relatos do detido aos militares, ele agrediu a esposa depois que os dois brigaram pelo fato de ela ter pedido para ele dar fim ao vício em cocaína. Prata ainda contou que enforcou a vítima dentro do quarto do casal e que arrastou o corpo dela até ao carro porque tinha a intenção de dirigir e bater o Palio em algum poste ou ribanceira para que pudesse morrer junto com ela, pois se arrendeu do que fez.

? Eu quero ficar na cadeia até morrer. Eu não quero sair não. Eu não mereço sair. Eu quero que a Justiça seja feita mesmo. Eu confesso que eu não sou digno de viver em sociedade.

Prata foi encaminhado à Delegacia de Plantão de Contagem e os peritos confirmaram que Sônia morreu por asfixia. O casal estava junto há 12 anos e o crime chocou os vizinhos.

Fonte: r7