Suspeito de assassinar Décio Sá relata seus últimos momentos

Suspeito de assassinar Décio Sá relata seus últimos momentos

Polícia realizou reconstituição do crime em dois locais de São Luís

O paraense Jhonathan de Sousa Silva, de 24 anos, disse durante reconstituição nesta terça-feira (3) que não "gastou 5 segundos" para matar o jornalista Décio Sá na noite de 23 de abril, em restaurante de São Luís.

"Ele caiu "pra riba" da mesa", contou o suspeito. Segundo a Polícia Civil, Sousa Silva confirmou os detalhes relatados nos depoimentos anteriores e não entrou em contradição. A reconstituição foi realizada em duas etapas. A primeira etapa começou à tarde e entrou pela noite, em frente ao Sistema Mirante, local de trabalho do jornalista. A segunda etapa foi na Avenida Litorânea, local onde ele foi executado.

Confira o relato:

Policial: "Quê" que ele pronuncia pra ti na hora que tu olha ele e ele te olha? Tu lembra assim?

Jhonathan: Lembro. Ei moço! Ei moço!

Policial: Aí tu já?

Jhonathan: Aí eu já... agora diz que ele caiu sentado só de bruço, mas ele não caiu sentado. Ele levantou pra empurrar a mesa e eu atirei nele.

Policial: Ele levanta empurrando? Como se fosse empurrar a mesa?

Jhonathan: Empurrou a mesa. Tavez ele não chegou nem a empurrar a mesa, só fez menção, mas ele ia empurrar e eu atirei nele.

Policial: Na cabeça?

Jhonathan: Na cabeça.

Policial: Aí ele caiu como?

Jhonathan: Aí ele caiu "pra riba" da mesa, entendeu?

Policial: Aí os outros tiros que tu dá, ele tá em cima da mesa?

Jhonathan: Em cima da mesa! Ele ficou "em riba" da mesa.

Policial: Até a hora que tu saiu ele ficou em cima da mesa?

Jhonathan: Foi ligeiro moço! Isso é rapidão. É lau, lau, lau, lau e fui embora. Entendeu?

Policial: Quando tu dá as costas ele continua em cima da mesa?

Jhonathan: Continua em cima da mesa. Rapaz isso é questão de 5 segundos. Não gasta 5 segundos não.

Fonte: G1