Vereador é morto com um tiro na testa

Segundo a polícia, Célio estava num bar na Praia de Mangaratiba com seu assessor

O vereador Célio Lopes (PSDB), conhecido como Célio Dentista, foi morto com um tiro na testa no início da madrugada desta terça-feira (2) num bar em Mangaratiba, na Região Metropolitana do Rio. As informações do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO), da Polícia Militar, em Mangaratiba.

Segundo a polícia, Célio estava num bar na Praia de Mangaratiba com seu assessor quando um homem com uma jaqueta camuflada do Exército passou de carro e atirou contra ele. O vereador ainda foi levado para o Hospital municipal de Mangaratiba, mas não resistiu aos ferimentos.

A polícia informou ainda que no momento do crime o bar já estava fechando e que, além do vereador e o assessor, apenas o dono e um funcionário estavam no local. Depois de atirar, o suspeito fugiu.

De acordo com informações iniciais, Célio seria também dono de uma casa de shows e um bar em Itaguaí, na Baixada Fluminense.

O G1 tentou entrar em contato com a 165ª DP (Mangaratiba), mas ninguém atendeu o telefone.

O corpo do vereador foi levado para o Instituto Médico Legal de Angra dos Reis, na Região Sul Fluminense.

Fonte: g1, www.g1.com.br