Vereador e policial militar são presos acusados de matar vereador eleito

No último dia 29 os agentes já haviam prendido outras três pessoas envolvidas no crime

Policiais da 78ª DP (Fonseca) prenderam, na noite desta terça-feira, o vereador de Niterói Carlos Alberto Macedo (PRP) e o policial militar Damião Washington da Silva Ferreira. Ambos foram indiciados pelo assassinato do vereador eleito Lúcio Diniz Araújo Martelo, o Lúcio do Nevada (PRP), ocorrido em outubro do ano passado.

No último dia 29 os agentes já haviam prendido outras três pessoas envolvidas no crime, entre elas a chefe de gabinete do vereador Carlos Macedo, Mariana Soares Queiroz da Silva.

Fonte: Extra