Vizinhos dizem ter visto irmão de criança que morreu fugindo em SP

A polícia ainda procura pelo rapaz, que vai responder por homicídio culposo (sem intenção) e posse ilegal de arma de fogo

Vizinhos do menino de 7 anos que foi baleado e morto durante um churrasco na Zona Leste de São Paulo, no sábado (25), afirmaram à Polícia Civil ter visto o assassino fugindo logo após o disparo. O principal suspeito de ter atirado acidentalmente a arma é o irmão da vítima, um jovem de 21 anos.

A polícia foi chamada e encontrou dentro da casa, situada na Vila Prudente, o menino Vítor de Oliveira Tafner baleado. A criança foi levada para o hospital da Vila Alpina e depois transferida para o Hospital das Clínicas, onde morreu.

Na residência, os policiais encontraram uma pistola 380 com numeração raspada. O corpo de Vítor foi enterrado no domingo no cemitério da Vila Alpina. Parentes e amigos não quiseram dar entrevista.

A polícia ainda procura pelo rapaz, que vai responder por homicídio culposo (sem intenção) e posse ilegal de arma de fogo.

Fonte: g1, www.g1.com.br