Policias do Piauí podem não participar de paralisação nacional

As policiais paralisam nacionalmente as atividades na sexta-feira (23)

INFORMAÇÕES VIA FLASH DO REPÓRTER RICARDO MOURA FÉ - ACOMPANHE A REPORTAGEM COMPLETA NO TELEJORNAL AGORA

As policiais Civil, Militar e Federal do Piauí tendem a não participar da paralisação nacional que ocorrerá na próxima sexta-feira (23), por 24 horas, reivindicando melhores condições de trabalho e salarial.

A Polícia Civil alegou que apesar de concordar com as pautas do protesto, a decisão por paralisar as atividades foi decidida muito rápido, sem haver nenhuma assembleia geral para discutir a logística da reivindicação.

Na Polícia Militar, das oito assembleias que defendem os direitos da categoria, apenas uma é contra o movimento. Segundo eles, o governador José Filho, convocou uma reunião no Palácio de Karnak para discutir as reclamações dos militares.

Os agentes da Polícia Federal do Piauí se reúnem em assembleia geral, nesta quarta-feira (21), para decidir se aceitam a proposta do Governo Federal. O Ministério Público Federal está fazendo com que a categoria retroceda o processo.

Fonte: Waldelúcio Barbosa