Acordo para facilitar comércio global é "positivo" para o Brasil, Dilma Rousseff

Presidente comentou no Twitter resultados de conferência da OMC.


Acordo para facilitar comércio global é

Dois dias após a Organização Mundial do Comércio (OMC) fechar um acordo histórico para facilitar o comércio internacional, a presidente Dilma Rousseff utilizou nesta segunda-feira (9) sua conta no microblog Twitter para celebrar os resultados da conferência realizada em Bali, na Indonésia, e enfatizar que a negociação será positiva para o Brasil.

O encontro, que durou quatro dias na Oceania, destravou a rodada de Doha ? uma série de reuniões iniciadas em 2001, que visam discutir regras para tornar mais ágil o comércio entre os países. Desde 2008 as negociações estavam paralisadas.

"Os resultados da Conferência da #OMC são amplamente positivos para o Brasil, pois facilitam o acesso de nossos produtos a mercados em todo o mundo, ao simplificar e desburocratizar procedimentos aduaneiros. #OMC", escreveu a presidente na rede social.

Segundo Dilma, os acordos multilaterais são "as saídas dos impasses globais". "As saídas dos impasses globais estão em acordos multilaterais, onde todos tem voz, e não na imposição dos dos + fortes sobre os + fracos", complementou.

O impasse foi destravado na reunião ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC), dirigida hoje pelo brasileiro Roberto Azevêdo. A presidente elogiou a atuação do dirigente da OMC. "O acordo de Bali demonstra nosso acerto ao indicar o diplomata brasileiro Roberto Azevêdo p/ dirigir a #OMC."

Fonte: G1