Agricultores fazem movimento pró-Dilma em SC

Agricultores fazem movimento pró-Dilma em SC

Agricultores fazem ato pró-Dilma no Dia da Alimentação

Lideranças do setor da agricultura familiar ligadas ao PT realizaram um manifesto de apoio à candidatura de Dilma Rousseff à presidência, neste sábado (16), em Florianópolis. Foi o primeiro grande ato de campanha em Santa Catarina, promovido pelo partido, no segundo turno das eleições.

Agricultores, entidades comunitárias e cabos eleitorais lembraram do Dia Mundial da Alimentação, comemorado neste sábado (16) e promoveram um "bandeiraço" em favor da candidata petista no centro da cidade. Logo depois, a senadora Ideli Salvatti (PT) acompanhou o grupo em uma passeata.

Derrotada nas eleições para o governo do estado por Raimundo Colombo (DEM), ainda no primeiro turno, Ideli destacou que treze partidos estão aliados no segundo turno da campanha presidencial em Santa Catarina. "Estamos empenhados para contribuir com a vitória de Dilma", afirmou. "Não defendemos qualquer governo, mas sim o governo Lula, responsável pelas grandes transformações no Brasil."

Desde a votação do primeiro turno, os petistas catarinenses não haviam realizado nenhum tipo de manifestação. A campanha estava concentrada em eventos denominados como "plenárias" em vários municípios. A "apatia" chegou a ser comentada por adversários e fez com que o presidente do PT de Santa Catarina, José Fritsch, convocasse a militância e cobrasse a "entrega" dos filiados ao segundo turno da campanha presidencial.

Em manifesto publicado na sexta-feira (15), Fritsch pediu empenho dos cabos eleitorais para "eleger a primeira mulher como presidente da República". "Em nome dos sonhos, conclamo a militância petista para que cada um se entregue nestes últimos dias de campanha política", disse o dirigente.

Fonte: Terra, www.terra.com.br