Ambulâncias estão paradas por decisão dos prefeitos, diz Lílian

A secretária considera um trabalho de suma importância

A secretária estadual de Saúde, Lílian Martins, durante entrevista à Rede Meio Norte nesta terça-feira(04), enalteceu a importância do SAMU em Teresina e no interior do Estado. Segundo ela, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU, tem como objetivo principal reduzir o número de óbitos em suas ações. Esse objetivo tem sido alcançado após a entrega de ambulâncias pela Sesapi no início de 2011.

A secretária informou que muitas ambulâncias já funcionam no interior, mas reconhece que boa parte ainda não funciona por decisão de alguns prefeitos. " O SAMU é uma parceria que envolve a esfera federal, estadual e municipal. Cada um tem sua parcela de responsabilidade", declarou ela.

Lílian Martins afirmou que o fato de alguns prefeitos ainda não colocarem as ambulâncias para funcionar, deve-se aos custos altos. " É um serviço caro, apesar de ser muito importante. Os prefeitos devem aguardar mais recursos ", revelou. A secretária considera um trabalho de suma importância. O Samu foi implantado no Estado em 2004 e segundo ela, tem evoluído bastante nos últimos anos. Atualmente, o Estado conta com 27 bases de centralização do serviço.

FOTO: EFRÉM RIBEIRO



Fonte: Marcos Moraes