Anastasia gastou mais de R$ 38 milhões para se eleger

Anastasia gastou mais de R$ 38 milhões para se eleger

Entre as doações aparecem, principalmente, construtoras, empresas de engenharia e empreiteiras

A campanha do governador reeleito do Estado de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB) arrecadou R$ 38.024.733. Já os gastos chegaram a R$ 38.016.382. Os dados estão registrados no Tribunal Regional Eleitoral de Minas (TRE-MG) e representam a movimentação de dinheiro que o tucano usou na corrida ao Palácio da Liberdade.

Entre os recordistas de doações aparecem, principalmente, construtoras, empresas de engenharia e empreiteiras de obras, além de bancos. Uma das principais doadoras para o tucano foi a Galvão Engenharia, que contribuiu com R$ 800 mil. Já o banco Itáu Unibanco fez uma doação de R$ 700 mil, em uma só tacada.

Tradicional no ramo de engenharia, a Mendes Júnior contribuiu com R$ 600 mil. Do mesmo setor, a OAS engenharia entrou com R$ 300 mil. Mas Antonio Anastasia também foi beneficiado com dinheiro de empresas ligadas a uma das principais atividades econômicas do Estado: a mineração. Foram, por exemplo, R$ 500 mil vindos da Usiminas Mecânica, e outros R$ 400 mil da Votorantim.

Já os dois candidatos eleitos para o Senado este ano por Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB) e Itamar Franco (PPS), que praticamente fizeram campanha juntos, arrecadaram no total cerca de R$ 23,5 milhões. Foram 11,9 milhões direcionados à campanha de Aécio e R$ 11,5 milhões doados a Itamar.

Fonte: Terra, www.terra.com.br