'Animais', diz Trump sobre imigrantes que vivem nos Estados Unidos

'Temos de pôr fim a essa prática', disse candidato sobre imigração

Em um ato de campanha na quinta-feira (4), o candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, atacou os imigrantes, os quais, segundo ele, representam uma ameaça terrorista para o território americano, dando como exemplo casos de imigrantes que foram acusados de crimes nos Estados Unidos.

Donald Trump
Donald Trump

"Centenas de milhares de refugiados, que vêm de territórios e dos países mais perigosos da Terra, certo? Temos de pôr fim a essa prática", disse ele em Portland, no Maine (estado no nordeste dos EUA).

Desde o ano passado, o empresário usa a imagem do cavalo de Troia para denunciar a acolhida de refugiados sírios nos Estados Unidos. Nesta quinta, porém, atacou uma categoria maior, ao se referir aos imigrantes procedentes de países com maioria muçulmana. "Estamos tratando com animais", afirmou Trump.

O candidato também evocou detenções e condenações de pessoas originárias de Síria, Somália, Afeganistão, Filipinas, Iraque, Paquistão e Iêmen. "Vocês têm a opção entre serem inteligentes, astutos e duros, ou serem muito, muito idiotas e cegos", declarou Donald Trump.

"Hillary Clinton quer acolhê-los às centenas de milhares", disse aos correligionários.

Fonte: Com informações do G1