Anuário Estatístico de Trânsito é lançado no Seminário de Comunicação

Quantidade de acidentes, feridos e óbitos podem ser verificadas no documento.

Dentro da programação do Seminário de Comunicação e Paz no Trânsito, foi lançado, no sábado (26), o Anuário Estatístico de Trânsito ano 2009, apresentado pelo diretor do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PI), Jesus Rodrigues, durante a palestra A Importância do Consórcio Municipal de Trânsito. O Anuário traz dados importantes para uma análise mais detalhada de como anda o trânsito no Estado.

Quantidade de acidentes, feridos e óbitos podem ser verificadas no documento. Os dados mostram que a população do Piauí cresceu 0,8%, com um total de 3.145.325 habitantes. Só em Teresina, a frota de veículos chega a 262.972. A média de acidentes no ano de 2009 foi de 3.752. O perfil das vítimas também foi analisado. Entre feridos e mortos, o sexo masculino representa 84,9% do total de acidentes.

O diretor Jesus Rodrigues afirmou que o uso dos itens de segurança é indispensável para salvar vidas de motoristas e pedestres. Segundo ele, "as campanhas educativas contribuem para reforçar o trabalho que já é feito pelo Detran, como a campanha Anjos da Guarda, além das atividades em escolas, praças e vias públicas, com palestras e oficinas de educação no trânsito. A ausência de uma constante fiscalização e ações de prevenção permanente contribui para aumentar os índices de acidentes", disse. Os participantes do seminário tiveram a oportunidade de receber, em primeira mão, os dados do Anuário 2009, servindo de pauta para seus programas de rádio locais.

No segundo momento, o jornalista Joel Silva foi o mediador do painel Educação e comunicação para a paz no trânsito: desafios e perspectivas, que também contou com a participação da diretora da Escola Piauiense de Trânsito, Gemma Barroso, do diretor do Sest/Senat, Antônio Leitão, e da gerente de Educação de Trânsito da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), Aldeia Lima. Joel afirmou a importância do projeto de radiocomunicadores e a contribuição que isso pode trazer para a prevenção de acidentes.

Já às 14 horas, seguindo a programação, houve momento bem especial com a dinâmica de grupo feita pela diretora da Escola Piauiense de Trânsito, Gemma Barroso. Dentro da atividade, a diretora disse que o trabalho dos comunicadores sociais é importante para educar através do rádio. A educação é necessária desde muito cedo.

No encerramento do evento, foram entregues aos participantes os certificados do curso Os Segredos de uma Campanha Radiofônica e do Seminário de Comunicação e Paz no Trânsito.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br