Bloqueio faz prefeitos prestarem contas no Tribunal de Contas

Os municípios ainda não haviam apresentados suas prestações de conta referentes ao mês de fevereiro deste ano.

O bloqueio de contas feitos pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) nas prefeituras e câmaras piauienses tem surtido efeito. Dois dias depois de determinar o bloqueio das contas bancárias de 38 prefeituras e sete câmaras municipais, oito municípios e uma câmara prestaram contas ao órgão. ?Para essas prefeituras e câmaras que estão inadimplentes, o bloqueio das contas já é algo que está dando resultado?, frisou o conselheiro do TCE-PI, Jaílson Campelo.

Os municípios ainda não haviam apresentados suas prestações de conta referentes ao mês de fevereiro deste ano. Os gestores públicos são obrigados a prestar contas mensalmente e têm um prazo de 60 dias após a conclusão do mês para entregar os balancetes.

Para o presidente do TCE-PI, Kennedy Barros, ?atrasar prestação de contas é subjetivo que seja um ato de má-fé consciente, onde o gestor sabe que a lei tem prazo certo, tem procedimentos específicos e você assume os riscos desse descompromisso com a legislação?.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte