Burocracia emperra obras do PAC no Piauí, diz Mirocle Veras

A expectativa é que a execução das obras do PAC cresça durante 2012

O coordenador das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) no Piauí, Mirocles Veras, afirma que a burocracia ainda é o principal entrave para o andamento das obras do PAC no Piauí. Para Mirocles, no ano passado, a avaliação é de um andamento regular do Programa no Estado.

"O balanço da execução do PAC foi regular, devido a mudança de um governo para o outro, isso gerou um período de adaptação que provocou um atraso nos trâmites burocráticos.

A expectativa é que a execução das obras do PAC cresça durante 2012, o processo está tomando um ritmo acelerado, com mais investimentos e agilidade", afirmou Mirocles Veras.

As obras do PAC são realizadas pelo Governo Federal, Estadual e Municipal. O Governo do Estado, através da Coordenadoria do PAC, acompanha os órgãos executores de obras no Piauí.

"O papel da Coordenadoria é de acompanhar, identificar algum problema ou pendência e servir como intermediador na resolução desses entraves para que as obras ocorram com a maior agilidade possível", concluiu Mirocles Veras.

Fonte: Savia Barreto