Câmara discute a possibilidade de mudança do horário de "Voz do Brasil"

Dois projetos com perspectivas opostas tramitam no Congresso.

O Conselho de Comunicação Social discute em audiência pública nesta quarta, a possibilidade de flexibilização do horário do programa radiofônico A Voz do Brasil. Criado em 1935, no governo Getúlio Vargas, o programa é veiculado obrigatoriamente por todas as emissoras de rádio brasileiras às 19h.

Dois projetos com perspectivas opostas tramitam no Congresso. O PLS 19/2011 confirma a obrigatoriedade de transmissão de segunda a sexta-feira, das 19h às 20h, e propõe que o programa se torne parte do patrimônio imaterial do país. Já o PL 595/03 torna possível para as emissoras escolher o horário de transmissão entre 19h30 e 00h30.

Com o debate, o Conselho de Comunicação colherá argumentos de especialistas favoráveis e contrários à mudança de horário. A discussão subsidiará relatório a ser produzido pelo assunto pelos conselheiros Walter Vieira Ceneviva, Nascimento Silva e Ronaldo Lemos.

Fonte: Terra