Câmara municipal muda sessões por causa do período eleitoral 2012

Câmara municipal muda sessões por causa do período eleitoral 2012

Os vereadores da capital terão agora um dia sem que seja necessária a presença em plenário.

O período eleitoral motivou mudanças nas sessões ordinárias realizadas na Câmara Municipal de Teresina. Os vereadores da capital terão agora um dia sem que seja necessária a presença em plenário e só terão obrigação de comparecer à Casa às terças e quartas, das 11h às 13h.

O presidente da Câmara, vereador Edvaldo Marques (PSB), explicou que as audiências públicas e sessões solenes seguem agenda normalmente.

"As sessões não foram diminuídas. Continuarão sendo três sessões ordinárias por semana, só que antes eram feitas às terças, quartas e quintas, e a partir de agora a quinta-feira está livre para os vereadores fazerem atendimento em gabinete ou nas comunidades.

Durante um dia na semana haverão duas sessões", ex-plicou o presidente da Câmara, destacando ainda que as audiências públicas marcadas acontecerão às segundas e sextas. "E as sessões solenes são normalmente feitas à noite", completou.

Todos os vereadores da capital devem buscar a reeleição este ano. Apesar disso, Edvaldo Marques assegura que não haverá comprometimento nos trabalhos legislativos. "A Mesa Diretora tem solicitado que mesmo no ano eleitoral o empenho e o compromisso dos vereadores só se encerre no final do mandato", frisou.

O parlamentar também não acredita que discussões políticas irão interferir na apreciação dos projetos da Câmara Municipal. "O plenário é pluripartidário e cada um tem suas convicções", pontuou.

Sobre as declarações da líder do prefeito Elmano Férrer (PTB) na Casa, vereadora Graça Amorim (PTB), de que as votações na Casa estariam sendo motivadas por questões políticas se sobrepondo à constitucionalidade dos projetos votados, Edvaldo ressaltou que esse é "um posicionamento dela, assim como os outros vereadores têm livre arbítrio e cabe ao presidente colocar as matérias em discussão".

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte