Câmara pede explicações de 10 ministros e da pres. da Petrobras

Câmara pede explicações de 10 ministros e da pres. da Petrobras

Com apoio de deputados da base aliada do governo, também foi aprovado convite à presidente da Petrobras, Graça Foster, para dar explicações

Em dia de rebelião da base aliada, o blocão liderado pelo PMDB na Câmara dos Deputados aprovou a convocação de quatro ministros e o convite a outros seis para prestar esclarecimentos no Congresso Nacional. Com apoio de deputados da base aliada do governo, também foi aprovado convite à presidente da Petrobras, Graça Foster, para dar explicações sobre contratos firmados com a empresa SBM Offshore.

Até o início desta tarde, todas as convocações haviam sido aprovadas na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle. Entre eles, estão a do ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro; do ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias; do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho; e do ministro-chefe da Controladoria-Geral da União, Jorge Hage.

Alguns dos requerimentos de convite previam originalmente a convocação, o que torna a ida do ministro ao Congresso obrigatória, mas foram alterados após acordo com o governo. Os convites aprovados até agora são:

- Comissão de Fiscalização Financeira e Controle: ministro da Saúde, Arthur Chioro, para falar sobre o regime de contratação dos médicos cubanos pelo governo brasileiro; e a presidente da Petrobras, Graça Foster, para prestar esclarecimentos sobre contratos firmados com a empresa SBM Offshore. Chioro foi convidado a pedido do deputado Mendonça Filho (DEM-PE) e Graça Foster, deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP).

- Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática: ministros da Ciência e Tecnologia, Marco Antonio Raupp; e das Comunicações, Paulo Bernardo, para falar sobre as ações realizadas em 2013 e planejadas para 2014. As duas audiências foram solicitadas pelo deputado Sandro Alex (PPS-PR).

- Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia: ministro da Integração Nacional, Francisco José Coelho Teixeira, para falar sobre os programas da sua pasta. O convite foi proposto pelo deputado Domingos Neto (PROS-CE).

- Comissão de Desenvolvimento, Indústria e Comércio: ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, para prestar esclarecimentos sobre a crise no sistema elétrico brasileiro. O convite foi proposto pelo deputado Mandetta (DEM-MS).

- Comissão de Viação e Transportes: ministro da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República, Moreira Franco, para apresentar a situação atual da secretaria e os projetos futuros para promover a modernização do setor aéreo. O convite foi proposto pelo deputado Washington Reis (PMDB-RJ).

- Comissão de Seguridade Social e Família: ministro da Saúde, Arthur Chioro, para apresentar as diretrizes e programas prioritários do ministério. O convite foi proposto pela deputada Érika Kokay (PT-DF).

Fonte: r7