Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN

Rede Meio Norte de Televisão realizou o 1º debate entre candidatos

Por: Waldelúcio Barbosa e Mayara Dias

O Grupo Meio Norte de Comunicação dá a largada a cobertura das Eleições 2016, onde os teresinenses têm a oportunidade de conhecer mais cada uma dos seus candidatos. Trata-se de um momento de muita importância para a capital do Piauí. O propósito é contribuir para uma eleição clara e isenta.

Rede Meio Norte de Comunicação realizou o 1º debate entre candidatos à Prefeitura de Teresina (Crédito: Efrem Ribeiro)
Rede Meio Norte de Comunicação realizou o 1º debate entre candidatos à Prefeitura de Teresina (Crédito: Efrem Ribeiro)

O primeiro debate entre candidatos à Prefeitura Municipal de Teresina, realizado pela Rede Meio Norte de Televisão, nesta terça-feira (16), no dia do aniversário de 164 anos da capital teve inicio  às 13 horas sob comando da jornalista Maia Veloso e suporte jurídico do advogado Rafael Melo, especialista em Direito Eleitoral, e de uma comissão da Ordem dos Advogados do Brasil, secção Piauí (OAB-PI).

Participam do debate os candidatos Firmino Filho, candidato à reeleição pelo PSDB; Amadeu Campos, candidato pelo PTB; Dr. Pessoa, candidato pelo PSD; e Quem Quem, do PTN. A Lei eleitoral determina que deve participar do debate os candidatos  com partidos políticos com representação de pelo menos nove parlamentares na Câmara dos Deputados.

PRIMEIRO BLOCO

O primeiro bloco foi destinado para que os candidatos a prefeito respondam perguntas feita em um minuto e a resposta deverá ser dada em seguida em no máximo dois minutos. A primeira pergunta foi feita pelo candidato Amadeu Campos se dirigiu ao candidato prefeito Firmino Filho, e lembrou as obras prometidas na sua campanha de 2012. O candidato do PSDB, enfatizou que realizou grandes obras na capital durante sua gestão.

Amadeu Campos, candidato pelo PTB (Crédito: Efrem Ribeiro)
Amadeu Campos, candidato pelo PTB (Crédito: Efrem Ribeiro)

“Nós construimos uma cidade construída por todos nós e nos orgulhamos muito dela. Nós estamos elaborando nessa nossa gestão a mais bela construção e obras da nossa cidade, temos buscado tirar do papel obras importantes como pontes, terminal de integração, corredores exclusivos de ônibus,. como na zona Sul de Teresina e ainda tem muitas obras que estão por vir“, considerou.

O candidato Amadeu Campos,  afirmou que as obras não foram feitas ao longo dos 12 anos de gestão de Firmino Filho, como o melhoramento da mobilidade urbana no Dirceu e na construção de um aterro sanitário.

Firmino Filho destacou que essas obras estão sendo feitas, como o prolongamento da Avenida Pedro Freitas, além da construção, em parceria com o Governo do Estado, a segunda ponte Wall Ferraz. “Nós temos hoje em Teresina a maior onde de investimentos de todos os tempos”, pontuou.

Firmino Filho, candidato à reeleição pelo PSDB (Crédito: Efrem Ribeiro)
Firmino Filho, candidato à reeleição pelo PSDB (Crédito: Efrem Ribeiro)

Em sua vez de questionar, Firmino Filho, perguntou ao candidato Dr. Pessoa, sobre as suas propostas para educação na cidade. Na sua resposta, o candidato do PSD, criticou o sistema de acompanhamento da educação básica de educação. “Nós vivemos uma maquiagem nos números do próprio programa do plano de governo municipal”, enfatizou. Firmino Filho, disse que a prefeitura tem um compromisso com a educação municipal.

Dr. Pessoa perguntou ao candidato Quem Quem, sobre as suas propostas para melhorar o atendimento municipal de saúde, que sofre com problemas de fila de espera para realizar consultas e exames. Em sua resposta, o candidato do PTN, defendeu que é preciso ter espaço para todas as pessoas terem oportunidade de melhorar o que é feita na administração publica. “Nós vamos fazer o que a lei manda, o que o povo precisa e que não é feito pelo prefeito Firmino Filho”, afirma.

Dr. Pessoa, candidato pelo PSD (Crédito: Efrem Ribeiro)
Dr. Pessoa, candidato pelo PSD (Crédito: Efrem Ribeiro)

Em sua réplica, Dr. Pessoa defende que a saúde primaria deve ser prioridade e acabar com as filas de espera. Na tréplica, o candidato da coligação “Com a força do povo”, pontuou que a vida humana é o maior bem e que deve ser tratada com muita responsabilidade.

Na sua pergunta, o candidato Quem Quem, se dirigiu para o candidato Amadeu Campos, sobre a incoerência política dentro do processo eleitoral. Na resposta, o candidato do PTB, lembrou que os grandes acordos acabam com o mérito e qualidade do gestor para administrar a cidade. “Esse blocão levam para uma pessima gestão e os nossos indicativos são te ruma ficha limpa, engajamento e a qualidade e competência na área que for tomar conta, essa são as nossas prioridades para fechar um acordo. Nós precisamos tratar o povo como eles merecessem”, disse.

O candidato Quem Quem lembrou que sua chapa é pura, sem coligações, portanto é a mais “confiável”. Ele chamou atenção dos eleitores sobre em que votar, para não tirar os direitos que já foram conquistados e deixaram de existir.

Quem Quem, do PTN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Quem Quem, do PTN (Crédito: Efrem Ribeiro)

2º rodada - candidato pergunta pra candidato

A segunda rodada continuou com as perguntas feitas de candidato para candidato. Quem iniciou foi o candidato Dr. Pessoa que fez sua pergunta para Amadeu Campos. “Candidato, o que se vê no saneamento básico em Teresina é uma falácia, a média nacional é 3x mais resultados positivos do que a cidade de Teresina, não se faz saúde se não tiver um saneamento básico funcionando adequadamente. O que o senhor faria no saneamento de Teresina?”.

Amadeu Campos respondeu: “A cada 1 real que se investe em saneamento a gente economiza 4 em gastos de saúde, e as pessoas não adoecem, saneamento tem que ser uma preocupação nossa, depois de 24 anos o mesmo grupo no poder, eles estão entregando um atraso. A coleta do esgoto é 18% o tratamento é 15%, isso resulta em tantas doenças que existem na nossa capital. O rio Poti virou um esgoto a céu aberto, a Agespisa quem faz esse trabalho, mas quem dá o poder é a prefeitura através de um contrato e se a Agespisa não está cumprindo esse contrato cabe a prefeitura obrigar ou colocar outra empresa que queira fazer, o que não pode é Teresina ser a última em saneamento no Nordeste. Nós vamos atrás de outros recursos”, respondeu.

Na réplica, Dr. Pessoa afirmou que os gestores que estão atualmente no poder não enfrentam os empresários, mas que ele sabe cuidar das pessoas e vai agir diferente desse grupo que já está.

Para dar continuidade, Amadeu Campos questionou o atual prefeito de Teresina sobre a quantidade de comissionados e terceirizados que o município tem hoje em dia. “O senhor sabe que é muito difícil coletar dados da sua gestão, Teresina tem a sétima pior transparência das cidades brasileiras, são quatro mil os cargos comissionados e os recursos que o senhor gasta com terceirizados pode ser medido com o que o senhor gasta nas empresas. Os servidores do município tem sofrido muito na sua gestão, volta e meia nós vemos uma greve no serviço publico”, acrescentou.

Firmino Filho respondeu: “São 1200 cargos comissionados, cerca de 600 são funções ocupadas pelos próprios servidores, vamos procurar valorizar os servidores, assim como os professores. Nós temos buscado dar as mudanças e temos criado uma lei de incentivo ao mérito para o magistério e é por isso que nossa educação cada vez mais avança”, disse. 

O atual prefeito de Teresina, Firmino Filho, direcionou sua pergunta para o candidato Quem Quem e indagou como o candidato pode avançar no programa Saúde da Família.

“Diminuindo os terceirizados, jogando esse dinheiro para novos concursos, para fazer esse atendimento para que o cidadão tenha na sua casa uma saúde de qualidade, que o cidadão se sinta acolhido na saúde do município, falta sensibilidade, se chamar os deputados, o governador e o governo federal exigir o ressarcimento de todas as consultas que foram ofertadas aos irmãos dos nossos estados, vai ter uma bancada unida, enquanto isso não acontecer vai continuar a mesma coisa, você tem o HGV fechado, hospital de universidade mal aproveitado e assim sucessivamente”, respondeu.

Firmino Filho (Crédito: Gabriel Paulino)
Firmino Filho (Crédito: Gabriel Paulino)

Na réplica, Firmino Filho afirmou que na atenção básica existem 255 equipes do Saúde da Família. “Temos buscado melhorar a condição de trabalho, temos 41 unidades inauguradas e mais 35 vão ser inauguradas no final desse ano ou início do próximo, criar de forma consequencial o cartão eletrônico da saúde pública de Teresina, nós vamos ter todos os dados do prontuário eletrônico”, falou Firmino que foi imediatamente questionado por Quem Quem: “ 12 anos lutando e não fizeram porque? Eu acho inaceitável você usar esse argumento”, disparou.

Por último, o candidato Quem Quem perguntou para Dr. Pessoa: “O Ministério Público fez uma orientação a prefeitura que no mínimo seria necessário para Teresina 1600 guardas. A prefeitura fez um concurso e chamou 50 , o que o senhor vai fazer para chegar a esse numero de 1600?”, questionou.

“Eu tive uma sorte enorme de ter escolhido a coronel Júlia que conhece muito a parte da segurança. E mais, eu sou coautor desse projeto de lei da implantação do guarda municipal, depois de mais de 12 anos você chegar a 50 guardas municipais é bizarro. Se nós chegarmos a prefeitura no primeiro ano de gestão nós vamos colocar 1000 guardas municipais para proteger as paradas de ônibus, as famílias que vão deixar os seus filhos nas escolas, levar o guarda para as praças. Cuidar de gente porque esse grupo não cuida”, afirmou.

Quem Quem continuou declarando que tem um projeto chamado guarda amiga comunitária: “Nós temos esse projeto que vai ter a PPO na praça junto com a polícia, vai ter uma ação social”, destacou. Dr. Pessoa finalizou destacando que pensa na prevenção: “Os guardas municipais são para prevenir, 0,2% da população tem direito a segurança. 50 guardas é enganar a sociedade, isso é uma falácia, não guarda nada. Eu sei cuidar das pessoas, eu quero cuidar das pessoas”, disse.

Quem Quem (Crédito: Gabriel Paulino)
Quem Quem (Crédito: Gabriel Paulino)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)

SEGUNDO BLOCO

No segundo bloco, os candidatos responderam as perguntas de candidatos a vereador de Teresina. Cada coligação escolheu nove candidatos a vereador, que gravaram suas perguntas. O candidato a prefeito sorteado para perguntar escolheu que candidato a vereador da sua coligação perguntou ao adversário, também escolhido por sorteio.

O primeiro candidato a responder foi o candidato Amadeu Campos, quem escolheu o vereador a fazer a pergunta foi o candidato Firmino Filho, que escolheu a vereadora Graça Amorim. Na sua pergunta, a parlamentar, questionou sobre a garantia dos direitos das mulheres.

“A Guarda Municipal, uma Lei que foi feita em 2005, vamos fazer de 1.600 homens e dentro da guarda, nós teremos a patrulha Maria da Penha, que faz um convênio com o Tribunal de Justiça e detecta quais são as mulheres que receberam medidas preventivas para garantir a sua fiscalização”, disse.

O candidato Firmino Filho, comentou a resposta e destacou que a sua gestão tem priorizado os direitos das mulheres, com a qualificação forte da mão de obra feminina, assim como o projeto Lei Maria da Penha nas escolas. “Nós temos o dever de conscientizar as gerações e continuar esse trabalho”, avaliou.

Em sua réplica, Amadeu Campos, defendeu que caso eleito seja, implantará medidas que diminuíram a violência contra a mulher. Firmino Filho, declarou que além da proteção e assistência a mulher, é realizada também ações na rede de saúde e educação. O segundo a ser perguntado foi o candidato Firmino Filho, que foi questionado pelo vereador Italo Savio, da coligação do candidato do PTN, sobre o grau de endividamento da prefeitura em 2016.

Candidados debatem na Rede MN (Crédito: Gabriel Paulino)
Candidados debatem na Rede MN (Crédito: Gabriel Paulino)

“Nós estamos vivendo a maior crise econômica do país e isso tem gerado o fechamento de empresa, o aumento do desemprego e isso reflete na administração publica. Esse ano, estamos perdendo cerca de R$ 50 milhões, mas nem por isso não estamos deixando de cumprir nossos compromissos e estamos enfrentando essa quebradeira com muita determinação. Estamos matando um leão por dia para cumprir nossos compromissos”, observou.

O candidato Quem Quem, avaliou que o prefeito Firmino Filho, como economista, não faz mais do que a sua obrigação de um gestor público. “Esse é um papel de um gestor”, acrescentou. Firmino Filho lembrou que Teresina criou um polo de geração de empregos para jovens. Na tréplica, Quem Quem, enfatizou que o prefeito teve 12 anos para fazer muito mais investimentos na geração de emprego e renda na capital.

O terceiro candidato a responder, foi Quem Quem, que foi perguntado pela coligação do candidato Dr. Pessoa, feita pelo candidato à vereador Telsirio Alencar, sobre as propostas para as pessoas desempregadas. “Eu sinto a dor do desempregado que vai na porta da minha casa me pedir um emprego e eu divido o pouco que eu tenho com eles. Nós vamos lá fora buscar empresas para investir na nossa cidade e gerar emprego. Nós vamos trabalhar para trazer recursos e empresas grandes para Teresina”, defende.

Dr. Pessoa destacou que é preciso ter infraestrutura para incentivar as empresas em investir. “Não existe desenvolvimento econômico se não houver potencialidades, estruturas e capacitação profissional”, declarou. Na réplica, Quem Quem, disse que Teresina precisa deixar de depender dos governos estadual e federal e investir em suas riquezas naturais, como a energia solar. Já na tréplica, Dr. Pessoa prometeu que vai investir na agricultura familiar.

Dr. Pessoa (Crédito: Gabriel Paulino)
Dr. Pessoa (Crédito: Gabriel Paulino)

Para dar continuidade, o candidato Dr. Pessoa, respondeu a pergunta do vereador Paulo Roberto, da coligação de Amadeu Campos, que questionou o candidato sobre o descontrole fiscal e o atraso em várias obras da cidade.

“Essas obras que estão aparecendo são obras eleitoreiras, em cima da hora. Os gestores que estão aí se preocuparam em fazer essas obras e esquecem de dizer que o dinheiro vem do governo federal, estadual. Eles sim são os principais fornecedores desse dinheiro que vem pra cidade, dinheiro que vem do governo federal, estadual e uma pequena parcela do governo municipal. Quando se faz o calçamento este ano, no ano que vem as pessoas pedem para não vir a chuva, senão desmancha, porque faz com o objetivo eleitoreiro, e não com objetivo de dar estrutura. Esse é o modelo que está aí e nós vamos mudar esse modelo”, afirmou.

Amadeu Campos comentou que a cidade não tem condições de pagar os seus débitos: “O prefeito falou agora pouco em crise, mas o orçamento em 2012 do Elmano Férrer foi de R$ 1,6 bilhões, do Firmino foi R$ 1,8 bilhões, R$ 2 bilhões, R$ 2,2 bilhões e agora se estima um orçamento maior ainda, então não tem crise, tem receita crescendo e uma má gestão”, disparou o candidato.

Na réplica, Dr. Pessoa destacou que a atual gestão tem uma falta de compromisso com o dinheiro público, e que na sua administração isso não vai acontecer, visto que se qualquer nome da sua gestão estiver envolvido em lista de corrupção imediatamente ocorrerá a exoneração. Em resposta, Amadeu Campos disse: ”Nós vamos mudar isso, temos uma equipe preparada e vamos gastar o que nossa receita permitir e não vamos deixar acumular dívidas”.

Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)

2º rodada 

Na 2º rodada, os candidatos continuaram respondendo perguntas dos vereadores. Para dar início, Dr. pessoa respondeu uma pergunta do vereador Edvan Silva, da coligação de Amadeu Campos. “A reforma eleitoral para o Brasil foi positiva proibindo essas doações para empresas privadas?”, indagou.

“Isso não é uma reforma política, é uma reforma maquiada. Eu gostaria que tivesse em cada estado um Sérgio Moro, porque na hora que meu nome sair em uma lista dessa aí eu retiro minha candidatura, eu vou mostrar para a sociedade a minha honestidade. Eu espero que esses que estão na lista repetidas vezes tivessem a hombridade de dizer que cometeu esse erro. Eu não tenho condição de bancar uma campanha política cara e sou transparente”, respondeu.

Em seu comentário, o candidato Amadeu Campos afirmou que é favorável a reforma eleitoral que aconteceu no país: “É uma evolução para a política brasileira não ter financiamento de campanha, porque esse financiamento que levou o Brasil ao jeito que está, quando isso ocorre quem sofre é a população. Aqui em Teresina estamos com 24 anos com o mesmo grupo e não conseguimos uma frota com ônibus climatizados, são 14 ônibus climatizados em um universo de 440”, disparou.

Na réplica, Dr. Pessoa declarou que ou há uma negociação pacifica ou a cidade vai criar o próprio transporte coletivo, climatizado, com internet, novos ônibus, já que do jeito que está não avança, sendo completado imediatamente por Amadeu Campos que falou: “Por causa do comprometimento de gestões com empresas não temos por exemplo as escolas do municípios básicos climatizadas, nem 40% das escolas tem ar condicionado, agora os prédios públicos tem ar condicionado. É preciso um olhar mais carinhoso para a cidade”, aconselhou.

Amadeu Campos respondeu a pergunta do candidato a vereador da coligação de Quem Quem, Cleiton Rafael que questionou sobre baixar ou subir tributos. “A questão dos impostos  o prefeito falou em crise, mas para os impostos não tem crise, tanto o furto de participação, como os impostos de município cresceram nos últimos 3 anos”, disse.

Para comentar, Quem Quem destacou que a prefeitura não deve gerar, ela deve arrecadar: “Tudo que gera geram impostos, para que isso não aconteça é preciso que o comércio local gere mais serviços e trabalhos, temos que fazer a geração de renda de Teresina crescer através de programas, é uma obrigação”, falou. Amadeu Campos continuou: “Não haverá reajuste nos impostos durante o tempo que eu for prefeito, nós precisamos aumentar a renda, Teresina tem a maior zona rural, todo o dinheiro do município vai ser destinado a compras de produtos de Teresina”, prometeu.

Debate na Rede MN (Crédito: Gabriel Paulino)
Debate na Rede MN (Crédito: Gabriel Paulino)
Maia Veloso (Crédito: Gabriel Paulino)
Maia Veloso (Crédito: Gabriel Paulino)

Na sua tréplica, Quem Quem declarou que só quem pode prometer para o eleitor é quem não tem nenhum político ao lado. “Nós vamos criar cooperativas que vão beneficiar, nós vamos trabalhar a questão da desoneração, quando você desonera você aumenta o volume de arrecadação, é isso que nós temos que fazer, um trabalho técnico”, disse.

O candidato Quem Quem respondeu a pergunta do candidato a vereador Antônio José Lira, da coligação de Firmino Filho, que indagou: “Teresina teve um grande avanço na mobilidade urbana, são várias obras na cidade. Se eleito o senhor se compromete a expandir as obras e dar piloridade ao transporte  público?”.

“Tudo que é bom tem que ser aproveitado, mas esses terminais só vão aumentar o tempo de percurso do cidadão. Nós vamos colocar um cartão onde a pessoa vai pegar ônibus onde ele quiser, descer onde quiser, as plataformas são uma coisa mal feita, sem nivelamento. Nós vamos fazer passarelas para o povo, se botar sinal para o povo atravessar vai ser outro caos no trânsito, ninguém vai mais andar em Teresina”, disparou.

Em resposta, Firmino Filho se defendeu: “Nós estamos implementando na cidade de Teresina, o modelo BRT que busca transformar o ônibus em um meio rápido de entrada e saída do Centro e ao mesmo tempo mais qualificado. E para isso nós estamos fazendo um conjunto de obras, terminais de integração e corredores exclusivos de ônibus, da mesma forma as estações dos ônibus serão climatizadas e ficam no mesmo nível dos ônibus para facilitar a entrada e saída dos passageiros”, disse.

Na réplica, Quem Quem declarou: “Eu vou mostrar para você essa velocidade que não existe. Não há necessidade, quando você tem um cartão você pega ônibus onde quiser e desce onde quiser, ar condicionado nas paradas é obrigação do gestor, ja deveria ter sido feito, são 12 anos fazendo plano diretor”, disse. “São obras medias, grandes e que esta bem acima da capacidade de Teresina, justamente por isso que as obras estão começando a aparecer agora, como a ponte Ancelmo Dias, que tem 320 metros de extensão e nós temos outras duas pontes. Para que nós possamos chegar ao nosso objetivo estamos tendo essa onda maior de investimentos da história da prefeitura de Teresina”, respondeu Firmino em continuidade.

Para finalizar esse bloco, o candidato Firmino Filho respondeu o candidato a vereador da coligação de Dr. Pessoa, Michel Saldanha. “O que o senhor pretende fazer se eleito no que se refere a saneamento básico, tendo em vista que você faz parte de um grupo que domina a nossa capital há mais de 30 anos e durante todo esse período nós tivemos um avanço mínimo nessa área”.

Firmino Filho respondeu: “Somente há cinco anos atrás é que a Agespisa se submeteu ao contrato da Prefeitura. Da mesma forma que levamos ao Wellington Dias que a Agespisa não estava cumprindo suas metas, o governador pediu um prazo até o final do ano ou seja, nós estamos lutando para que isso mude, mas nós investimos na área, basta dizer o que estamos fazendo no Lagoas do Norte, mesmo com recursos que são próprios estamos investindo no saneamento”.

No seu comentário, Dr. Pessoa declarou que a prefeitura não faz essa investigação por tanto essa historia da Lagoas do Norte que está sendo um projeto de revolução é mentira, já que é apenas um lago que se cair dentro vai morrer com as bactérias e acusou o candidato a reeleição de ter lhe chamado de leviano.

“De forma nenhuma eu lhe chamaria de leviano, jamais iria lhe ofender. Agora em relação a CET nós temos lutado muito para que a Agespisa faça o seu trabalho, melhore o abastecimento de água, são esses desafios que nós estamos cobrando, agora se eles não se enquadrarem, vamos partir para outra alternativa”, disse. Dr. Pessoa finalizou destacando que  tem conhecimento do saneamento básico porque a sua vida toda foi cuidar das pessoas.



TERCEIRO BLOCO

No terceiro bloco, os candidatos responderam as perguntas enviadas pelos eleitores aos candidatos à Prefeitura de Teresina, através do Instagram e Facebook do Grupo Meio Norte de Comunicação. Foram selecionadas quatro perguntas para cada candidato, com tema livre. Na primeira rodada, foi sorteado a responder, o candidato Firmino Filho, seguindo pelo comentário do candidato Amadeu Campos.


O eleitor Werrisson Pereira, perguntou sobre a educação básica em Teresina. Em sua reposta, Firmino Filho, destacou a construção de mais de 16 CMEIS na capital. “Nós temos novos desafios como a alfabetização das crianças até o 5 anos de idade e assim garantir uma melhor qualidade de vida, porque a educação infantil é um pilar importante para o desenvolvimento de uma região e por isso queremos a universalização da educação básica”, relata.

O candidato Amadeu Campos, lembrou que a primeira gestão de Firmino Filho foi ainda nos anos 90 e que desde então, muitas escolas e creches estão com obras paradas e precisando de reforma. Segundo Firmino Filho, na década de 90, foi feito um processo e levar as crianças para as escolas. Na tréplica, Amadeu Campos, prometeu fazer tudo que foi deixado parado. “Nós queremos a creche funcionando o dia todo, para que as mães possam trabalhar em tempo integral, isso está dentro do nosso projeto, vamos cuidar da mãe e de seus filhos com atenção total, na área de saúde e educação”, defende.

O segundo candidato a responder, foi Amadeu Campos, com comentários de Quem Quem. O candidato do PTB, respondeu a pergunta da eleitora Renata Fonseca, que perguntou sobre a falta de experiência na gestão pública. O candidato lembrou que o governador Wellington Dias, não tinha experiência em sua primeira gestão e assim mesmo conseguiu realizar “uma excelente administração pública”. Ele destacou ainda que sua vivência dentro da cidade, lhe credencia a conhecer os problemas e o que precisa ser mudado.

Debate na Rede MN (Crédito: Gabriel Paulino)
Debate na Rede MN (Crédito: Gabriel Paulino)

No comentário de Quem Quem,  o gestor público tem que se cercar de pessoas qualificadas com capacidade técnica para administrar, exigindo responsabilidade com a máquina pública. Amadeu Campos, lembrou ainda sua experiência como apresentador e conhecedor do que os teresinenses mais anseiam e por isso traz um programa de governo para trazer a mudança. “Nós estamos preparados para construir uma cidade melhor”, pontuou.

Na tréplica, Quem Quem, afirmou que todos os candidatos conhecem a cidade e seus problemas, mas é preciso ter sensibilidade para mudar a vida da população e isso só se faz com quem anda no meio deles. Quem Quem, foi o terceiro a responder a pergunta do eleitor Márcio Pedro, que o questionou sobre o seu posicionamento perante a integração de ônibus. O candidato disse que vai melhorar o que já existe e realizar novos investimentos.

“Vamos construir passarelas, oferecer ônibus coletivos com ar-condicionado, internet, pois nós temos que dá ao cidadão o que ele merece”, declarou. Dr. Pessoa comentou a resposta do candidato do PTN e se disse a favor dos veículos leves sobre trilhos e isso não está sendo feito. por isso vai realizar novos investimentos na área do transporte urbano de qualidade. Os candidatos aproveitaram o momento da réplica e tréplica para apresentar propostas para a educação e saúde.

O último a responder a pergunta dos eleitores, foi o candidato Dr. Pessoa,  do internauta Rafael Oliveira, que perguntou sobre o sistema de integração do transporte público. No seu posicionamento, o candidato defendeu que a população não foi consultada para a sua construção e que por trás desse novo sistema, pode haver uma mudança nos valores, aumentando a tarifa. “Eu vou aumentar as ciclovias, investir nos veículos leves sobre trilhos. A acessibilidade das pessoas está reduzida e mudar isso será nossa prioridade”, pontuou.

Firmino Filho adiantou que a prefeitura tem trabalhado para tornar o trânsito de Teresina o mais rápido possível, com a criação de um plano diretor para calçadas, ciclovias, ruas e avenidas. Dr. Pessoa afirmou que a capital piauiense é a cidade das leis e não se cumpre nenhuma delas. “Como gestor, nós vamos dizer de onde vem as fontes, sem maquiagem e sem esconder nada das pessoas”, completou. Filho revelou que seu objetivo é tornar Teresina uma cidade mais humana, com maior mobilidade urbana.

2º rodada

O candidato Firmino Filho respondeu a pergunta de Júnior Conrado, sobre as empresas de iniciativa privada para o setor do transporte como o Uber. O candidato à reeleição, afirmou que essa situação precisa ser analisada, porque o sistema presta um serviço que não possui uma regulamentação e envolve as questões de segurança e fixação de tarifas.
“Não faz sentidos termos 1.500 taxistas regulamentados, com outros profissionais sem nenhum tipo regulamentação. É preciso termos um pouco de paciência em relação as novas tecnologias, pois é preciso analisar muito bem todos os viéses’, revelou.

Amadeu Campos comentou a resposta e lembrou que a frota de ônibus foi reduzida e sobre os táxis, enquanto prefeito, será contra o Uber e é preciso ter um credenciamento em relação aos mototaxistas. Na réplica, Firmino Filho destacou que é preciso ter um conjunto de obras para melhor a mobilidade urbana. Na tréplica, Amadeu Campos, disse que a administração pública está atrasada.. “O que as pessoas querem é conforto, com um serviço de qualidade”, declarou.

O segundo a responder foi o candidato Amadeu Campos, do internauta Ray Rodrigues, sobre as prioridades em relação a violência de Teresina. “A nossa prioridade será em relação a Guarda Municipal, Teresina é uma das únicas cidades que não possui esse serviço de segurança. Nós vamos nos adequar a leis, vamos contratar todos os aprovados. O teresinense precisa entender que a Guarda Municipal faz a prevenção dos crimes”, disse.

Dr. Pessoa comentou a resposta do candidato Amadeu Campos, e avaliou que a Guarda Municipal é importante e que foi propôs a implantação da guarda desde 2005. Na réplica, Amadeu Campos parabenizou o candidato pela proposta e lamentou ela nunca ter sido implantada. Dr. Pessoa disse na tréplica, que a filosofia da Guarda Municipal é se integrar junto com as demais forças policiais. “Eu sei cuidar muito bem das pessoas e vou continuar cuidado”, enfatizou.

Na segunda rodada, o terceiro a responder foi o Dr. Pessoa, que respondeu a pergunta de Anderson Felipe, sobre a sua vida foi o suficiente para assumir o cargo de prefeito. Ele afirmou que está há 40 anos como médico e sempre foi reconhecido por trabalhar em favor do povo sem remuneração. “Vou comentar uma comissão técnica junto com a coronel Júlia para cuidar das pessoas de Teresina. Eu quero dizer que estou preparado e amadurecido mais do que esses que estão e pouco fizeram”, revelou.

Com comentários de Quem Quem, o que vai fazer uma boa gestão é seriedade e o compromisso com a coisa pública, assim como a responsabilidade de fazer as coisas acontecerem. “Nós que somos limpos, chapas puras, somos a melhor pessoa para administrar Teresina”, acrescentou. Na réplica, Dr. Pessoa agradeceu a Deus por ter lhe dado capacidade para cuidar das pessoas de forma humanizada. Em seu direito a tréplica, Quem Quem chamou atenção da população para quem é a melhor pessoa para cuidar da cidade.

O último a responder a pergunta da internauta Janaína Costa, sobre a melhoria da saúde pública, foi o candidato Quem Quem, que agradeceu a oportunidade de falar sobre seus projetos como o plano de universalização da saúde. “O cidadão vai poder escolher por qual profissional vai querer ser atendido, nós vamos capacitar os postos de saúde e junto com o governador vamos melhorar o HUT, assim como centros para as mulheres serem tratadas”, elencou.

Em comentário a resposta, Firmino Filho, lembra que já foi realizada uma série de reformas no HUT e que melhorou outros hospitais em Teresina. Na réplica, Quem Quem destacou que é preciso também se preocupar com o corpo humano e não só a parte física. No direito a tréplica, Firmino Filho, lembra que tem feito cursos de capacitação e valorização dos profissionais.

QUARTO BLOCO

No último bloco os candidatos realizaram as suas considerações finais e agradeceram a Rede Meio Norte pela realização do debate. O primeiro a falar foi o candidato Amadeu Campos que gostou da oportunidade de participar do confronto de ideias: “Quero finalizar dizendo que hoje será realizada a entrega da comenda do Conselheiro Saraiva, eu não sei quais são os méritos levados em conta para a entrega dessa medalha, mas eu queria que recebessem os servidores do HUT, que trabalham nos corredores, aos professores que trabalham sem ar-condicionado e em péssimas condições de trabalho, para os motoristas de ônibus que trabalham em péssimas condições e pedir para as pessoas escolham aquele que for melhor para a cidade”, falou.


Dr. Pessoa aproveitou a realização do debate para explanar suas ideias e destacou seus projetos: “Esse é o primeiro debate de muitos que ainda vamos ter e quero dizer aqui que a mulher vai ter o Complexo de Atendimento que terá de dois a três em Teresina. Qu quero deixar um abraço caloroso em todos os teresinenses e que continuemos na luta”, declarou.

O candidato a reeleição Firmino Filho parabenizou a capital pelos seus 164 anos: “Um grande abraço a você que está assistindo e continuemos juntos nessa caminhada. Vamos prestar conta do que fizemos e queremos fazer no futuro da nossa cidade, queremos reforçar todos os princípios, vestir a camisa da cidade, suar a camisa, mostrar resultado, trabalhar para aqueles que mais precisam”, disse.

Por último, o candidato Quem Quem destacou que por nenhum motivo troca o município de Teresina: “Eu amo viver aqui e vou fazer dessa cidade muito melhor. Quem Quem é 19”, finalizou.

Candidatos com Maia Veloso (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos com Maia Veloso (Crédito: Efrém Ribeiro)

BASTIDORES

Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)


Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)


Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrem Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidatos à prefeitura de Teresina realizam debate na Rede MN (Crédito: Efrém Ribeiro)

Image title

Image title

Fonte: Portal Meio Norte