62% aprovam coligação do PT com Elmano Férrer no primeiro turno

62% aprovam coligação do PT com Elmano no 1º turno

Os filiados do Partido dos Trabalhadores em Teresina, elegeram neste domingo (25) os delegados que irão definir os rumos do PT em Teresina. A chapa ?Aliança por Teresina?, obteve 62% dos votos filiados, totalizando 1449. Já a chapa ?Candidatura própria Eu acredito no PT?, liderada pelo senador Wellington Dias, obteve 33%, totalizando 783 votos. E a chapa 1, liderada pelo deputado federal Jesus Rodrigues, que também defendia candidatura própria, mas com a escolha de um terceiro nome, obteve 5% dos votos.

?A nossa chapa elegeu o maior número de delegados, e obtivemos o dobro dos votos da chapa 3, e não perdemos em nenhuma urna. O PT de Teresina ganhou muito com esse resultado, a aliança com o prefeito é de suma importância, pois nós temos uma estratégia colocada pelo PT nos próximos anos, e sairemos com uma chapa forte, e com chances concretas de eleger o maior número de vereadores na capital?, declarou a deputada Flora Isabel.

Ainda segundo a parlamentar, a relação com o senador Wellington Dias não fica balançada com o resultado.?A relação não fica arranhada, pois o senador é um militante histórico do Partido dos Trabalhadores, ele conhece esse partido por dentro, foi vereador, foi deputado, entende que o PT é forte hoje por causa disso, por causa das correntes internas que existem dentro do partido?, disse.

Chapa 3 divulga nota e diz que vai pedir anulação da eleição. Confira abaixo

Os membros da coordenação geral da chapa 03, defensora da tese de candidatura própria do Partido dos Trabalhadores para as eleições municipais de 2012, em Teresina (PI), manifesta as seguintes considerações acerca dos resultados da consulta prévia, realizada em 25 de março de 2012, pelos filiados teresinenses desta agremiação para a escolha dos delegados que definirão a tática eleitoral do partido.

Não reconhecem a legitimidade do resultado da votação interna pelas seguintes razões:

1 ? Existem recursos pendentes de julgamento pelas instâncias partidárias em face de que, durante todo o dia 25 de março de 2012, foram apresentados protestos e consignadas em ata denúncias de filiados que estavam em dia com suas contribuições partidárias, contudo, foram impedidos de votar porque seus nomes não constavam nas listas de votações das sessões, embora constem na lista geral preparada pela Secretaria de Organização do Diretório Nacional do PT.

2 ? A Comissão Executiva Municipal contratou, com recursos oriundos da contribuição de todos os filiados do partido, uma frota composta por doze (12) ônibus que foram utilizados unicamente para o transporte de filiados ligados à chapa 02, não tendo sido disponibilizados para as demais chapas os horários e itinerários, ferindo a isonomia do pleito. Diante do mencionado fato, foram apresentadas reclamações à Comissão Executiva Municipal, entretanto, nenhuma providência foi adotada para garantir a lisura da votação. Por tal razão, a Chapa 03 impetrou recurso de anulação do processo eleitoral interno com fundamento no artigo 56 do Regulamento das Prévias e Encontros de 2012.

3 ? A Comissão Executiva Municipal não reconheceu a lista de filiados comissionados e quites com o partido, apresentada pelo Diretório Regional do PT.

4 ? Os recursos arrecadados na quitação eleitoral não passaram pela devida prestação de contas, apesar de tal providência ter sido solicitada, conforme obriga o estatuto do PT. Ademais, os percentuais devidos aos diretórios nacional e estadual não foram repassados.

Em face do exposto, além do pedido de anulação da consulta interna, serão requisitadas investigações para as denúncias apresentadas

Membros da Chapa 03

Partido dos Trabalhadores

Fonte: Gisele Alves