Com números João de Deus desmonta discurso do PSDB na Alepi

O líder do PT na Alepi contestou fazendo comparação com governos anteriores e com números derrubou a tese tucana.

Ao contrário do que prega a oposição, o Piauí não possui o pior Índice de Desenvolvimento Humano, como declarou semana passada o deputado Marden Menzes (PSDB) na tribuna da Assembleia Legislativa, oportunidade em que criticou o governo Wellington Dias. O parlamentar afirmou que não houve avanços significativos, principalmente no primeiro mandato. Para ele o analfabetismo não reduziu, não houve geração de emprego e a renda ficou concentrada na mão de poucos. O líder do PT na Alepi contestou fazendo comparação com governos anteriores e com números derrubou a tese tucana.

De acordo com o relatório do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) o Piauí avançou e está à frente do Maranhão e de Alagoas, este o pior IDH do país. João de Deus disse ainda que não gosta de ver o Estado disputado as últimas colocações, mas destacou que se a situação não é ainda melhor é porque ?o buraco era fundo?. Foram as ações do governo que elevou o índice. Das 10 unidades da federação que mais cresceram, nove são nordestinas, sendo que Piauí, Paraíba e Bahia foram os que tiveram variação mais positiva, segundo a publicação.

?Ano após ano nosso governo conseguiu também reduzir o índice de analfabetismo. Acho que só os deputados tucanos não perceberam. É fácil constatar isso. A pesquisa PNAD do IBGE apontou que a taxa de analfabetismo recuou de 30,5% para 23,4% nos últimos cinco anos. Hoje, cerca de 98% das crianças de seis a um ano estão matriculadas e assistindo aula. Isso é fruto de trabalho e planejamento por mais qualidade de ensino. Os tucanos tem que tentar provar o que diz é para cerca de 80% dos piauienses que aprovam a educação do Estado?, afirmou.

O governo Wellington Dias também conseguiu alavancar o Produto Interno Bruto do Estado, impulsionado pelo desenvolvimento da indústria, segundo levantamento da Fundação Cepro divulgado em março de 2010. ?Os dados mostram uma variação real da ordem de 6,07%. O valor nominal do PIB de 2009, de acordo com a projeção realizada, ficou em R$15.854 bilhões, maior R$ 907 milhões de reais em relação a 2008?, de acordo com matéria publicada no portal Cidadeverde.

?A oposição está no seu direito de contestar, mas contra fatos não há argumentos. Os avanços no Piauí foram significativos e são os piauienses que atestam que a qualidade de vida melhorou com o nosso governo, como mostram todas as pesquisas. Tudo é comprovado com números e isso esvazia o discurso deles. O governador teve um primeiro mandato complicado. Ele começou resolvendo o caos administrativo que encontrou em 2003, quando o soldo de um soldado era R$ 13 e o vencimento de um professor não chegava a um quarto do salário mínimo. Apenas no segundo mandato, com a casa arrumada, é que realmente foi possível fazer os investimentos necessários. Não encontramos o Estado em um mar de rosas. Foi preciso remar mais do que todos os outros Estados?, concluiu.

Outro exemplo positivo vem da área de segurança pública. O ex-secretário, Robert Rios (PCdoB), também comparou a administração Wellington Dias com governos anteriores. Ele informou que todos os municípios possuem viaturas, realidade bem diferente daquela vivida no passado. Outro item destacado é a construção de mais de uma centena de delegacias e a compra de equipamentos ?de primeiro mundo? para investigação e repressão?.

Fonte: Ascom