Elizeu deixa o cargo de deputado federal

Medeiros foi eleito deputado federal na legislatura 2007-2011, mas licenciou-se do mandato para assumir o cargo de secretário de educação

Nesta terça-feira, o ex-secretário estadual de educação Antônio José Medeiros (PT) assumiu o posto como deputado federal. Medeiros foi eleito deputado federal na legislatura 2007-2011, mas licenciou-se do mandato para assumir o cargo de secretário de educação do Governo do Estado. Em seu lugar, assumiu o suplente Elizeu Aguiar (PTB).

Ainda na semana passada, o petista se descompatibilizou do cargo por ser o prazo máximo para um gestor que deseja pleitear um cargo público nas eleições deste ano. Fazendo um balanço de suas ações a frente da Secretaria Estadual de Educação, Medeiros afirmou que tem a certeza que fez muito em prol da educação pública. ?Nos empenhamos para promover os avanços conquistados?, frisou, acrescentando que, com a retomada dos trabalhos na Câmara Federal, onde foi eleito com mais de 130 mil votos, vai continuar buscando a aprovação de projetos em defesa da educação.

O parlamentar lembrou que, durante seu mandato na Câmara, foi membro da Comissão de Educação, e que pretende voltar a assumir a comissão. ?No Piauí, conseguimos muitos avanços, com a expansão do ensino médio a todos os municípios. Isso sem falar no ensino profissionalizante?, lembrou, acrescentando que seu nome estará a disposição do Partido dos Trabalhadores para uma candidatura ao Governo do Estado. A disputa por um outro cargo já foi descartada pelo petista.

Se despedindo do cargo, que ocupou por pouco mais de um ano, Elizeu Aguiar (PTB) foi um dos 18 parlamentares que assumiram o mandato na condição de suplente. O petebista teve forte atuação nas mobilizações a favor da PEC 300 e diz que ?sua frustração? foi não ter conseguido concretizar a votação da proposta no período que teve a frente do mandato. ?Lutamos tanto para isso. Mas creio que a bancada do Piauí irá se empenhar para aprovar esse projeto que vai honrar essas categorias?, argumentou, afirmando que trabalhará agora para fortalecer sua pré-candidatura a deputado federal nesse ano. ?Dessa vez, não mais na condição de suplente?, conclui. (M.M)

Fonte: Mayara Martins