Comentário de Barack Obama gera debate sobre uso do Twitter

A expressão usada por Obama foi parar no twitter do jornalista Terry Moran, âncora da concorrente AB

As observações do presidente Barack Obama sobre o rapper Kanye West provocaram um debate sobre o uso do Twitter por jornalistas nos EUA. Em uma entrevista coletiva, conversando com os repórteres pouco antes de gravar uma entrevista para a rede CNBC, Obama chamou West de "jackass", por tomar o microfone da cantora Taylor Swift quando ela recebia o prêmio de melhor vídeo feminino durante a cerimônia do Video Music Awards.

A expressão usada por Obama foi parar no twitter do jornalista Terry Moran, âncora da concorrente ABC e que estava presente na entrevista. "Agora é presidencial", escreveu Moran, que depois apagou a mensagem. O site TMZ publicou o áudio do presidente.

A rede se pronunciou dizendo que não considera correta a atitude de seus funcionários de colocar no serviço de microblog a fala do presidente "off the record" (jargão jornalístico para conversas que não devem ser publicadas). A rede pediu desculpas à Casa Branca e à rede CNBC.

E-mails sobre os comentários do presidente circularam entre os funcionários da ABC e antes que qualquer coisa fosse publicada, pelo menos três funcionários da rede usaram o Twitter para espalhar a notícia. Um deles era o ex-correspondente da Casa Branca Terry Moran, que não quis comentar o caso.

Autoridades da rede ABC descobriram sobre o caso cerca de uma hora depois, mas a notícia já havia se espalhado.

O serviço de microblog é uma ferramenta muito utilizada por jornalistas e chegou na frente antes de muitas instituições de mídia desenvolvessem regras para seu uso, disse à agência de notícias Associated Press o professor da Universidade de Columbia e executivo da ABC News Richard Wald. "É necessário reforçar a noção de que é preciso checar antes de se publicar."

Fonte: g1, www.g1.com.br