Com prazo encerrando, comissão que audita Setut será ampliada

Com prazo encerrando, comissão que audita Setut será ampliada

O prazo para a conclusão da auditoria é de 02 de outubro, mas poderá ser ampliado por mais 30 dias.

O prefeito Elmano Férrer (PTB) ampliou, por decreto, a composição da comissão especial criada pela Prefeitura de Teresina para realizar a auditoria no sistema de transportes coletivos da capital. A meta é aprofundar o nível técnico de discussão e de análise da planilha de custos. O prazo para a conclusão da auditoria é de 02 de outubro, mas poderá ser ampliado por mais 30 dias, caso a comissão julgue necessário.

Com o decreto, a comissão especial de auditoria no sistema de transportes coletivos de Teresina passa a ser constituída pelo procurador Henrique José de Carvalho, representante da Procuradoria Geral do Município; Raimundo Alves de Lima, auditor da Secretaria Municipal de Finanças; Cassandra Sousa Silveira, auditora da Secretaria Municipal de Finanças; José Lopes Neto, representante da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans); Inácio Carvalho, representante

da Secretaria Municipal de Governo; Marcelino Lopes Neto, do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut); e vereador Édson Melo, representante do Conselho Municipal de Transportes Coletivos.

O procurador Henrique José de Carvalho Nunes Filho presidirá a comissão e o Tribunal de Contas do Estado do Piauí fiscalizará os trabalhos da comissão através dos auditores fiscais Hamifrancy Brito Meneses, Teresa Cristina de Jesus Guimarães Moura e Irlane de Castro Leite.

Fonte: Ananias Ribeiro