Contador diz que Firmino está certo em suspender pagamentos

Firmino Filho quer que aqueles que têm dinheiro a receber da prefeitura façam um recadastramento para passar informações sobre os serviços prestados

O contador Edson Albuquerque disse ao meionorte.com que, em sua opinião, o prefeito de Teresina Firmino Filho está correto em suspender o pagamento das dívidas junto a fornecedores e empreiteiros. ?Ele está certo, é preciso analisar?, disse.

Firmino Filho quer que aqueles que têm dinheiro a receber da prefeitura façam um recadastramento para passar informações sobre os serviços prestados. ?A partir de hoje nenhuma dívida feita anteriormente será paga sem o recadastramento?, afirmou o prefeito. Edson disse que concorda, pois para ele todos os contratos devem ser analisados, para se verificar que serviços foram realmente prestados e materiais realmente fornecidos.

?Ele deve analisar os preços, os serviços prestados, contrato por contrato, para saber se todos estão dentro da legalidade?, afirmou Edson Albuquerque.

Início de gestão

O contador, que presta serviço à prefeituras, disse que o início da gestão é momento de planejar. ?Os prefeitos devem primeiramente colocar gente preparada nas secretarias, e não amigos. É fundamental ter um controle interno competente e rígido. A política vive um novo momento, é hora de fazer a coisa com seriedade?, disse Edson. Segundo ele, os prefeitos devem ter cuidado, pois o Tribunal de Contas do Estado, Ministério Público e Polícia Federal estão investigando as contas municipais com mais rigidez.

Ele informou que os prefeitos tem a obrigação de deixar uma cobertura financeira para as dívidas feitas ao final da gestão. ?A lei 420, artigo 60 diz que, nos últimos quatro meses do mandato, o prefeito não pode contrair dívida que não possa ser pago ainda durante o mandato, salvo se tiver dinheiro em caixa?, disse Edson Albuquerque ao meionorte.com. E se isso for feito, o prefeito eleito tem a obrigação de dar continuidade aos projetos da gestão anterior.

Fonte: Andrê Nascimento