Coordenadores de campanha debatem sobre o humor no pleito

Coordenadores de campanha debatem sobre o humor no pleito

Os coordenadores de Elmano Férrer, Firmino Filho, Wellington Dias e Beto Rego discutiram sobre as piadas nas propagandas eletorais

Na reta final das campanhas para prefeito de Teresina, os coordenadores de campanha dos quatro candidatos com maior expressividade nas pesquisas vieram ao programa Agora, da Rede Meio Norte, para um debate sobre esta fase humorística das campanhas.

Augusto Basílio, coordenador da campanha de Firmino Filho, começou dizendo que o candidato está se adequando ao momento. ?No primeiro momento, mostramos o que ele fez por Teresina e o que pretende fazer, e agora estamos mais suaves, usando o humor?, disse. Para ele, a participação do humorista Dirceu de Andrade, que é quem comanda a parte humorística, vem mostrando outro lado da campanha. ?Ele está quase mostrando o que deixou de ser feito?, disse o coordenador.


Coordenadores de campanha debatem sobre o humor no pleito

Já para Raimundo José, coordenador da campanha de Beto Rego, ?Usar o humor tudo bem, mas já estão partindo para o deboche?. Para ele o humor que está sendo usado na campanha é um humor jocoso, usado para atacar. ?Daqui a pouco, estarão fazendo pesquisa para saber quem é o melhor humorista?, disse ele. Sobre o lado humorista do candidato Beto Rego, Raimundo José disse que preferiram mostrar o que ele quer ser, que é prefeito. ?Quem vai governar a cidade não vai ser um humorista?, completou.


Coordenadores de campanha debatem sobre o humor no pleito

O professor Wellington Soares, coordenador da campanha de Wellington Dias, disse que é interessante a presença dos humoristas, mas quando eles se tornam mais importantes que os candidatos é que há um problema. ?Quando descamba para a baixaria, a coisa fica preocupante?, afirmou. Wellington Soares disse não ter nada contra o humor, que inclusive já foi usado em campanhas de Wellington Dias anteriormente, mas disse que os humoristas podem acabar tirando o foco das propostas. ?Nós estamos mostrando propostas?, disse.


Coordenadores de campanha debatem sobre o humor no pleito

Sérgio Vilela, coordenador da campanha de Elmano Férrer, disse que a presença dos artistas é boa. ?Prezamos pelo respeito, pelo alto nível da campanha. O povo vai avaliar se esse nível baixar?, afirmou. Sergio disse que as vezes é preciso passar as propostas de forma mais didática, e que se for preciso usar o humor para isso, não há nada de errado. Disse estar conduzindo a campanha de forma tranquila, e em meio às brincadeiras entre os coordenadores durante o debate, disse: ?A campanha termina, mas as amizades continuam?.


Coordenadores de campanha debatem sobre o humor no pleito

Fonte: Andrê Nascimento