Corregedor-geral inicia inspeção na Justiça do Trabalho do Estado do Piauí

Corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Ives Gandra Martins Filho, iniciou ontem o processo de inspeção

Começaram ontem as inspeções no Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região (TRT/PI). O corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Ives Gandra Martins Filho, irá realizar o trabalho no Tribunal. O ministro realizou reunião reservada com o presidente do TRT, desembargador Francisco Meton Marques de Lima, e a vice-presidente, desembargadora Liana Chaib, que também exerce a função de corregedora regional.

?Essa é uma ação feita em todos os Tribunais do Trabalho do país a cada dois anos. Buscamos avaliar toda a estrutura de funcionamento do regional, desde sua estrutura física, técnica, bem como a capacitação dos servidores e atuação dos magistrados. A intenção é fazer com que a Justiça do Trabalho seja eficiente e atenda os anseios da sociedade?, declarou o ministro.

À tarde, a partir das 14h, o ministro fez duas visitas institucionais. A primeira, à Escola Judicial (Ejud22), cuja sede fica no Complexo Administrativo do TRT, no bairro Cristo Rei. A segunda visita será às quatro Varas do Trabalho que funcionam no Fórum Trabalhista de Teresina. Ele também conduziu uma reunião com juízes de primeiro grau.

O ministro e sua equipe prosseguem com atividades de inspeção, que incluem reuniões com os titulares de diversas unidades administrativas e judiciais do TRT, como as secretarias das áreas judicial e administrativa, e coordenadores de recursos humanos, tecnologia da informação e, além da corregedoria regional, entre outras Na sexta, às 14h, o corregedor-geral apresentará um relatório com as avaliações, conclusões e recomendações.

Segundo o ministro Ives Gandra, o trabalho de inspeção tem a função de avaliar o funcionamento da Justiça Trabalhista, identificando pontos que precisam ser melhorados e apontando soluções para os problemas.

Fonte: Savia Barreto