Cunha diz que não aceita ser comparado a protagonista de série

Presidente afastado da Câmara afirmou que assiste a "House of Cards

Afastado da presidência da Câmara dos Deputados pelo STJ, o deputado Eduardo Cunha (PMDB) negou a aparência com o personagem Frank Underwood , o político sem escrúpulos vivido na série norte-americana "House of Cards" pelo ator Kevin Spacey.

Este ano, o político brasileiro foi comparado ao parlamentar da ficção por duas publicações americanas: a revista "The Economist" e o jornal "The Washington Post".

"Já estamos habituado com esse tipo de comparação, mas deixamos isso para o imaginário das pessoas. É engraçado, mas ultimamente pararam de falar sobre isso. Obviamente que eu não aceito a comparação. Eu vi as duas primeiras temporadas da série, preciso ver as outras", disse o deputado em entrevista ao "Mariana Godoy Entrevista" desta sexta-feira (20).

Questionado se a comparação com Frank Underwood surgiu por causa do poder que exercia na Câmara dos Deputados, Cunha negou.

"Poder é uma coisa muito relativa: ou você tem ou você não tem. Talvez se tivesse o poder que dizem que tenho, eu não estaria sofrendo o que estou sofrendo. Poder é uma coisa que as pessoas têm no imaginário pelo sucesso daquilo que você faz", disse.


Eduardo Cunha fala sobre comparação com Frank Underwood, protagonista de "House of Cards" (Crédito: Reprodução)
Eduardo Cunha fala sobre comparação com Frank Underwood, protagonista de "House of Cards" (Crédito: Reprodução)




Fonte: Com informações do Uol