Hoje: TV Meio Norte realiza debate com seis candidatos ao Governo

Na opinião do governador Wilson Martins (PSB) os debates tornam o pleito eleitoral mais democrático

O segundo debate entre os candidatos a governador do Piauí que será realizado hoje pela TV Meio Norte deverá alterar o ritmo da campanha eleitoral no Estado. Essa é a aposta dos seis postulantes ao comando do Palácio de Karnak, que marcarão presença nos estúdios Carlos Jansen a partir das 18h. Hoje o dia dos candidatos será pautado na preparação para o debate mediado pelo jornalista Silas Freire.

Na opinião do governador Wilson Martins (PSB) os debates tornam o pleito eleitoral mais democrático. "Vamos discutir temas de interesse de toda sociedade", diz, assinalando que o evento representa uma oportunidade dos candidatos apresentarem as políticas públicas que pretendem desenvolver para melhorar a qualidade de vida dos piauienses. O governador diz que esta deve ser encarada como mais uma oportunidade para a troca de idéias com o nível que a população deseja e merece.

Wilson disse ainda que representa a continuidade do trabalho do ex-governador Wellington Dias (PT) e do presidente Lula e que nos debates ele pode relembrar o que já foi feito, mas também apresentar novos projetos. "Não temos medo da troca de idéias. Realizamos muito. Temos o que mostrar. Há obras deste governo em cada município do Piauí". Para o senador João Vicente, a agenda desta terça-feira terá uma pausa para o descanso nas horas que antecedem o debate. ?Vamos expor nossas ideias e colocar o plano de Governo para a população. Sabemos o que queremos para o Piauí e iremos mostrar isso?, pontua.

A candidata do PV, a vereadora Teresa Britto, admitiu grande expectativa para o debate que também será transmitido em tempo real pelo Portal Meio Norte. Ela acredita que após a visibilidade obtida com a propaganda eleitoral, o debate vem no momento ideal para o eleitor conhecer ainda mais os projetos de cada candidato. Teresa destaca que a população vai assimilar as propostas dos candidatos e saberá ?quem está falando a verdade e aqueles que defendem um projeto possível de executar no Estado?. A agenda da candidata está focada hoje na preparação para o debate.

Para o Pastor Macêdo (PMN), o Sistema Meio Norte sai na frente ao ?se preocupar em fortalecer a democracia?. ?Iremos nos preparar para enfrentar as feras, irei estudar e recapitular alguns pontos do que foi feito no Piauí e do que queremos fazer?, adianta, acrescentando que o debate deverá ser mais acirrado do que o primeiro, realizado no dia 15 de julho. ?Será mais quente porque surgiram novos fatos nesses meses de campanha?, frisa. Já Romualdo Brazil (PSOL), enfatiza que o primeiro debate serviu para apresentar os candidatos ao eleitor e o segundo deve consolidar as propostas de cada um.

?O debate será realizado em um horário nobre, com estudantes e trabalhadores assistindo. A audiência será maior e nossa responsabilidade também. Acreditamos que o debate será mais duro mas iremos falar o que for preciso?, argumenta Romualdo. (S.B.)













FOTOS: HELVIO MENESES

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte