DEM não aceita nome do senador tucano Álvaro Dias, indicado pelo PSDB.

Presidente do DEM diz que espera até quarta vice indicado por Serra

O presidente nacional do DEM, deputado federal Rodrigo Maia (RJ), disse ao G1 que espera até a próxima quarta-feira (30), data da convenção nacional da sigla em Brasília, a escolha pelo candidato tucano José Serra de um nome do partido para ocupar o posto de vice na chapa oposicionista que disputará a Presidência da República.

O PSDB indicou o nome do senador Álvaro Dias (PSDB-PR), com o qual concordaram PPS e PTB, os outros dois partidos que integram a aliança. Mas o DEM não aceitou e reivindica a candidatura a vice.

?É um prazo dado pela própria legislação, o do dia 30. Não temos preferências de nomes, mas queremos que o Serra escolha dentro das lideranças do partido. Desde que o Aécio [Neves, ex-governador de Minas Gerais] disse que não seria mais o vice, a vaga é do DEM. Esperamos que o Serra faça a indicação?, afirmou o presidente nacional da legenda.

Maia não disse que atitude o partido tomará caso o PSDB não indique um vice do DEM. Ele disse não acreditar que Serra não escolha um vice do Democratas.

Nesta sexta (25), Maia viajou para Aracaju (SE), onde tenta resolver, juntamente com o presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra (PE), impasses para aliança local entre as duas legendas. O presidente do DEM afirmou que ficou ?surpreso? ao saber da indicação do senador Álvaro Dias (PSDB-PR) como vice.

?Claro que essa questão (indicação) nos pegou de surpresa. Nós esperávamos divulgar juntos o nome do vice, quando houvesse um acerto, mas isso não aconteceu. Claro que não é bom para a aliança esse episódio. Por isso, a importância de o DEM ser o vice na chapa agora?, afirmou.

Apesar de afirmar que não é salutar a indicação feita pelo PSDB, Maia procurou amenizar o estremecimento causado entre as duas legendas.

Ele acatou as críticas feitas pelo deputado federal Ronaldo Caiado (DEM-GO), um dos vice-presidentes da legenda. Caiado defendeu o rompimento da a aliança entre DEM e PSDB, hipótese que preferiu não comentar.

?Eu acho que o Caiado tem razão nas críticas, mas tenho certeza de que esse episódio será superado e o Serra vai escolher o vice?, disse Maia.

Fonte: ;po