Depoimento do delator do mensalão do DEM na Câmara é cancelado

Depoimento do delator do mensalão do DEM na Câmara é cancelado

Jaqueline admitiu recentemente que o recurso foi usado para caixa dois de campanha

O Conselho de Ética da Câmara confirmou que está cancelado o depoimento de Durval Barbosa, delator do escândalo do mensalão do DEM. A sessão estava marcada para para a próxima quarta-feira (4 de maio), mas Barbosa mandou carta na noite da última quinta-feira informando que desistiu de ir à Câmara.

Na carta, ele argumentou que soube de uma "movimentação de parlamentares" para constrangê-lo. Barbosa iria falar somente sobre o caso da deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF), que foi filmada recebendo dinheiro dele.

Jaqueline admitiu recentemente que o recurso foi usado para caixa dois de campanha. No mês passado, o Conselho de Ética instaurou um processo que pode levá-la à cassação.

O depoimento de Durval Barbosa foi acertado na última quarta-feira. Os advogados do delator do mensalão do DEM vinham insistindo para que o depoimento fosse na sede da Polícia Federal, e não na Câmara dos Deputados.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br