Deputado diz que governistas esvaziaram sessão para evitar debate

Marden Menezes também buscou a secretaria da Assembléia, mas o projeto ainda não havia sido retirado de pauta.

O deputado Marden Menezes (PSDB) disse nesta quinta-feira que a manobra para esvaziar a sessão da Assembléia Legislativa por orientação da base governista teve como único objetivo impedir o debate sobre o projeto que cria regalias para Wellington Dias quando deixar o cargo. Marden voltou a afirmar que a informação de que o Executivo teria solicitado a retirada do projeto de pauta não encobre a tentativa de favorecimento, através de uma proposta esdrúxula.

?Os deputados governistas foram orientados a esvaziar a sessão. Esperei 30 minutos para abrir os trabalhos, mas os deputados que estavam nas dependências da Casa não foram ao plenário. A bancada do governo teme alguma coisa, mas esse tipo de manobra não vai nos impedir de continuar tratando deste assunto, que consideramos da maior gravidade?, adianta.

Marden Menezes também buscou a secretaria da Assembléia, mas o projeto ainda não havia sido retirado de pauta. O tucano voltou a afirmar que a matéria teria sido aprovada, caso a oposição não tivesse se manifestado.

?Retirar o projeto de pauta não muda nada. O que vale é a intenção. A intenção foi a de criar uma estrutura com 6 cargos e carro oficial para ele. Só o fato do governador ter mandado o projeto para ser votado já é uma traição à história do próprio Wellington Dias, que sempre defendeu a legalidade, a moralidade e a ética?, finaliza.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte