Deputado Warton Santos quer reforma antes de sair da política do Piauí

"Eu sou um dos poucos políticos que nunca saíram do partido aliás, eu sempre tive liberdade para expor minha opinião, sou independente do partido", garante

Finalizando sua carreira política, o deputado estadual Warton Santos (PMDB) será homenageado hoje na Assembleia Legislativa. O parlamentar não se candidatou no pleito passado e estava de licença das atividades da Casa, por ter assumido o cargo de Secretário Estadual de Trabalho, Ciência e Tecnologia, em entrevista ao Jornal Meio Norte, o deputado garantiu que durante o ciclo de sete mandatos consecutivos teve liberdade para expor sua opinião, tendo total independência do partido.

"Eu sou um dos poucos políticos que nunca saíram do partido aliás, eu sempre tive liberdade para expor minha opinião, sou independente do partido", garante.

O deputado estadual deixa um herdeiro na Assembleia Legislativa, seu filho Pablo Santos, eleito com mais de 33 mil votos no último pleito. "Deixo um herdeiro e claro que ele vai receber as minhas orientações também. Sei que ele tem meu exemplo de trabalhador", definiu Warton.

Por fim, o parlamentar ressaltou o desejo de uma reforma política no país, destacando também a emoção em se despedir da Casa após décadas de atuação. "Quero fazer um relato da minha trajetória ao longo dos sete mandatos, dos cargos que exerci no Executivo, da vida profissional", comentou.

A informação da cerimônia se deu através do presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, Themístocles Filho (PMDB), englobando também o deputado Juraci Leite (PTB), que aos 79 anos de idade também deixa o cenário político estadual.

Fonte: Francy Teixeira