Deputados tentam reaver R$ 340 Mi

Bancada piauiense tenta reaver R$ 340 milhões

O deputado federal J?lio C?sar Lima declarou que a bancada piauiense federal entra hoje com uma contesta??o para tentar reaver sete emendas dos parlamentares que foram consideradas invi?veis ao Or?amento Ge-

ral da Uni?o de 2009. Ao todo, s?o R$ 340 milh?es em investimentos que a bancada tenta manter na proposta original.

De acordo com o deputado, cinco precisam ter o indeferimento contestado e outras duas apenas sofreram adequa??o.

As cinco que foram consideradas ?inaditivas? s?o emendas referente a constru??o de estradas postas em rubricas de minist?rios

como o da Integra??o Nacional. ?No Comit? de Emendas do OGU h? uma

decis?o de que apenas o DNIT faz estradas. Mas outros minist?rios fazem. E ? isso que vamos contestar.

Isto aconteceu tamb?m com outros Estados e aconteceu ano passado. Eles v?o ver o problema e v?o liberar?, comentou.

Os trechos s?o: Restaura??o da PI-140, entre Floriano e Canto do Buriti (R$60 milh?es ? J?lio C?sar);estrada entre Avelino Lopes e Guaribas (R$ 50 milh?es ? Alberto Silva); recupera??o do trecho da PI-113, entre e Teresina e Cabeceiras (R$ 60 milh?es ??tila Lira); e constru??o da estrada entre S?o Louren?o e Dom Inoc?ncio (R$ 50 milh?es ? Marcelo Castro).

As duas emendas que precisaram de adequa??o foram proposta do governo referentes a implanta??o da Universidade Aberta, onde cada uma tem empenho de R$ 60 milh?es.

Constam no Or?amento como Capacita??o Inicial e Continuada ? Dist?ncia de Professores e Profissionais para Educa??o nos N?cleos. ?Foi s? ajuste. Estas eu acho que s?o aprovadas facilmente?, comentou tax-

ativo o deputado federal J?lio C?sar.

Vale ressaltar que a proposta da bancada piauiense ao OGU 2009 soma R$

885 milh?es em emendas. Sem os recursos considerados inaditivos, o valor reduziria para R$ 545 milh?es. A pe?a total ainda precisa ser aprovada pelo relator e no plen?rio para entrar no Or?amento. Todas elas ainda precisam de entendimento com o governo federal para libera??o durante o ano em curso.

Fonte: Mateus Noronha, Jornal Meio Norte