Desafio para ministro é reduzir obesidade, diz José Temporão

Desafio para ministro é reduzir obesidade, diz José Temporão

Anúncio foi feito durante inauguração de obra no Inca II, no Rio

O ministro da Saúde José Gomes Temporão anunciou, nesta segunda-feira (20), que um dos maiores desafios do novo ministro será diminuir o número de óbitos por diabetes, provenientes da alta taxa de obesidade, e de câncer no país. O anúncio foi feito durante a inauguração de obras na unidade do Instituto Nacional do Câncer (Inca II), dedicada a tratamento de tumores ginecológicos, no Santo Cristo, Centro do Rio.

Temporão também falou sobre a possível escolha de Alexandre Padilha para o ministério. ?Não posso afirmar que será ele, mas é uma boa escolha. É sanitarista da USP e tem boa formação?, disse o ministro.

Brasil tem mais ex-fumantes do que fumantes, diz ministro

Durante a inauguração, o ministro citou ainda uma pesquisa do Ministério da Saúde que aponta uma redução de 14% de óbitos por infarto agudo do miocárdio. Para Temporão, o mérito é da equipe do Inca, que está a frente da campanha para redução do número de fumantes no Brasil. ?Atualmente temos mais ex-fumantes do que fumante no país?, afirmou o ministro.

A pesquisa também apontou que, se o país não reduzir o número de obesos, em 12 anos, a saúde dos brasileiros será tão precária quanto a dos norte-americanos com relação às mortes por diabetes.

Novas instalações

Durante inauguração desta segunda, foi anunciado a conclusão do projeto de ampliação do ambulatório para o Inca II, além da farmácia, arquivo médico, cozinha e refeitório da unidade.

O obra, que começou em fevereiro, teve um custo de R$ 6 milhões. O objetivo, segundo ele, é melhorar o atendimento aos pacientes.

Fonte: g1, www.g1.com.br