Wellington Dias autoriza instalação de usina eólica em terras do PI

As obras devem ser finalizadas daqui há 3 anos

O Piauí deu um passo importante rumo à autosuficiência em produção de energia elétrica. Na noite dessa quinta-feira (13), o governador Wellington Dias assinou um convênio com a empresa Casa dos Ventos, permitindo que ela proceda a regularização fundiária de terras em três municípios piauienses, para produção de energia eólica. O projeto prevê a instalação de aproximadamente 300 turbinas movidas pela força dos ventos. Atualmente, a empresa executa a instalação de mais 700 turbinas nos municípios de Padre Marcos, Marcolândia, Simões e Caldeirão Gande, gerando 5 mil empregos diretos.

“Há dois anos alguém ligado ao governo apostou que nosso projeto para o Piauí não daria certo. Hoje, sinto-me feliz em mostrar que ele errou”, disse o diretor-executivo da Casa dos Ventos, Clécio Elói.

Devido à necessidade de legalização da propriedade das terras e a existência de prazos contratuais a serem cumpridos, a Casa dos Ventos se compromete em realizar, sob a fiscalização do Interpi, todos os trabalhos de georreferenciamento e medições de campo necessários à completa regularização dos imóveis rurais a serem arrendados. Para isso, a empresa se compromete a prestar apoio jurídico aos proprietários das terras, além de assumir as despesas de cartório e de inscrição no Cadastro Ambiental Rural.

A empresa identificou grande potencial para a geração de energia a partir de fontes renováveis nos municípios de Dom Inocêncio, Queimada Nova, Lagoa do Barro, Acauã, Marcolândia, Fronteiras, Simões, Betânia do Piauí e Paulistana; onde pretende arrendar propriedades para desenvolver a atividade, pagando aos proprietários o preço ajustado em contrato próprio. 

As obras devem ser finalizadas daqui há 3 anos. A partir da conclusão, as usinas devem gerar 6 vezes mais energia que a usina de Boa Esperança, em Guadalupe. O Piauí passará a ocupar lugar de destaque como produtor na matriz energética brasileira.

“Vivemos uma nova fase no Piauí. São 5 mil empregos diretos criados a partir da produção de energia limpa. Continuamos cuidando do social, mas também voltamos os olhos para o crescimento econômico e desenvolvimento do estado”, pontou o governador Wellington Dias.

A Casa dos Ventos é detentora de projetos nos estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí, Pernambuco, Bahia, Mato Grosso do Sul e São Paulo, possuindo o maior portfólio de projetos eólicos no Brasil. 


Fonte: Com informações do piaui.pi.gov.br