Dilma diz que pediu ajuda a governadores para país voltar a crescer

Disse que os governadores foram eleitos democraticamente como ela

A presidente Dilma Rousseff avaliou neste domingo (02) o encontro com os governadores dos estados, ocorrido no último dia 30 e reforçou que eles foram eleitos de forma democrática para exercerem seus mandatos de quatro anos e defendeu que haja colaboração entre o governo federal e os estados para que o país volte a crescer.

“Gostei muito da reunião com os governadores. Apresentaram posições, sugestões e encaminhamentos importantes para o País. Nós temos em comum a eleição pelo voto popular majoritário e a responsabilidade de cumprir, no mandato de quatro anos, nosso programa de governo”, escreveu Dilma em sua conta na rede social.

É a primeira avaliação da presidenta sobre o encontro com os governadores. Na reunião, Dilma explicou aos governadores as causas da queda da arrecadação e propôs aos estados uma parceria para enfrentar problemas e superar crise.

Em resposta, os governadores comprometeram-se a ajudar o governo a evitar a aprovação de projetos da chamada pauta-bomba, em tramitação no Congresso Nacional que, segundo o Executivo, podem gerar gastos adicionais, comprometendo o ajuste fiscal.

“É nossa obrigação, mesmo com as diferenças partidárias, dialogar para que o país saia com rapidez de suas dificuldades. Para que volte a crescer, com equilíbrio fiscal,  inflação sob controle, gerando empregos e prosperidade para os cidadãos e suas famílias”, avaliou Dilma, pelo Twitter.

Fonte: Agênica Brasil