Dilma e Serra disputam mesmo palanque

Está é a segunda vez em que os adversários Dilma e Serra visitam o mesmo evento e no mesmo dia

Os pré-candidatos Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB) visitam o mesmo evento no segundo maior colégio eleitoral do País, Minas Gerais, nesta segunda-feira (3). Em Uberaba, os presidenciáveis serão recebidos na cerimônia de abertura oficial da 76ª ExpoZebu que, no ano passado, contabilizou 300 mil visitantes. No domingo (2), o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, visitou a feira que ainda espera incontáveis ilustres. Membros da bancada ruralista da Câmara e do Senado serão homenageados pelo evento, que segue até o dia 10 deste mês.

Sob o tema "Genética Zebu: futuro sustentável", a feira levará ao Parque Fernando Costa lideranças políticas, do agronegócio, criadores, visitantes internacionais, estudantes e curiosos em geral. Neste ano, o evento entregará o Mérito Parlamentar para políticos que, segundo a organização, estão contribuindo para o crescimento do agronegócio. Entre os 27 parlamentares homenageados, está a senadora Kátia Abreu (DEM-TO), líder da bancada na Casa e presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), entidade que reúne 27 federações estaduais, 2.142 sindicatos rurais e mais de 1 milhão de produtores sindicalizados. A senadora já foi cotada para ser vice na chapa de Serra.

O tucano confirmou sua presença na abertura oficial do evento em sua última visita a Minas, na cidade Uberlândia; inicialmente a viagem tinha sido agendada para domingo (2). A petista Dilma também já confirmou oficialmente sua presença no evento. Contudo, não estão previstos discursos.

Dilma será recebida por um palanque problemático. O ex-ministro do Desenvolvimento Social Patrus Ananias e o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel disputaram, neste domingo, as prévias do partido para serem candidatos ao governo. Até a manhã desta segunda-feira, Pimentel vencia as parciais. Mas não para por aí. O PT ainda precisa driblar o ex-ministro das Comunicações Hélio Costa (PMDB) que já negocia com novos aliados para o caso de o PT não se dobrar ao seu desejo de ser o candidato da coligação. No Estado mineiro, Serra tenta capitalizar o eleitorado do popular ex-governador Aécio Neves, que trabalha para eleger seu sucessor Antônio Anastasia.

Está é a segunda vez em que os adversários Dilma e Serra visitam o mesmo evento e no mesmo dia. A outra ocasião se deu em Ribeirão Preto, São Paulo, na última quinta-feira (29). O tucano e a petista visitaram 17ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, a Agrishow. Em horários alternados, os adversários levam suas comitivas ao evento que, na última edição, recebeu 140 mil pessoas.

Neste sábado (1º), Dia do Trabalho, a ex-ministra da Casa Civil participou ao lado do presidente Luiz Inácio Lula da Silva das comemorações organizadas por entidades sindicais de todo o Brasil e da América Latina. Acusados por tucanos de improbidade administrativa e campanha antecipada, Dilma e Lula discursaram para mais de 1,3 milhão de manifestantes em evento patrocinado por órgãos públicos, assim como o era durante o governo FHC. Enquanto isso, em Santa Catarina, Serra participou de Encontro Evangélico. Acusado por petistas de ter se escondido no tradicional 1º de Maio, Serra aproveitou o dia para cativar o eleitorado religioso.

Fonte: Terra