Dilma grava primeiro programa de rádio "Café com a Presidenta"

Dilma grava primeiro programa de rádio "Café com a Presidenta"

No primeiro programa, Dilma deve falar sobre a distribuição gratuita de remédios

A presidente Dilma Rousseff (PT) gravou nesta sexta-feira sua primeira edição do programa de rádio Café com a Presidenta desde que assumiu o cargo, em janeiro. No programa, que irá ao ar na segunda-feira de manhã, Dilma deve falar sobre a distribuição gratuita de medicamentos para tratar da hipertensão e diabetes.

O Café com o Presidente, instituído pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), foi transmitido pela primeira vez em novembro de 2003, com entrevistas quinzenais sobre ações do governo ou temas da atualidade. Depois, passou a ser gravado semanalmente.

Estilo discreto

Para o cientista político David Fleischer, da Universidade de Brasília (UnB), Dilma não quer ser como Lula, que falava demais e, às vezes, cometia gafes e erros políticos com as declarações públicas exageradas. "Dilma está propositalmente aparecendo menos para aos poucos ir se distanciando do Lula. Ela está começando e não quer cometer erros", disse o cientista político.

No primeiro mês no poder, Dilma enfrentou insatisfações políticas do PMDB e outros aliados, além de uma queda de braço com as centrais sindicais a respeito do valor do salário mínimo, atiçada principalmente por aliados. Tratou de apagar incêndios e deixou para depois o que não dava para ser resolvido imediatamente.

Especialistas, aliados e até adversários elogiam o "estilo Dilma", bem mais discreto que o de Lula, mas também apontam a necessidade de mudanças na condução das alianças políticas. A relação da presidente com sua ampla base de apoio no Congresso sofreu os primeiros arranhões e o maior partido da coalizão, o PMDB, pressionou Dilma contra a substituição de seus indicados no segundo escalão.

Fonte: Terra, www.terra.com.br