Dilma oficializa aliança com PTB em almoço com dirigentes do partido

Presidente disse que vai ‘renovar e recriar’ e "em hipótese alguma perder". Ela afirmou ainda que faz distribuição de renda, mas não "a la Robin Hood"


Dilma oficializa aliança com PTB em almoço com dirigentes do partido

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quarta-feira (21) durante almoço na sede do PTB em que oficializou a aliança com o partido para a eleição presidencial, que não pode perder ?em hipótese alguma? e que vai ?renovar e recriar? em um eventual segundo mandato.

Segundo ele, ?o futuro do país tem um nome, e esse nome é educação de qualidade?.

?Temos de continuar e não podemos em hipótese alguma perder. Devemos renovar, recriar, passando por uma estrutura de banda larga indo até uma discussão dos novo modais hidroviários, tendo clareza de que a educação vai ser elemento crucial para o futuro do país?, disse.

No almoço, que contou com a participação de deputados e senadores do PTB, a presidente afirmou que o apoio do partido é ?fundamental? para as eleições de outubro.

?É inequívoca a herança que o PTB carrega e tê-lo como suporte do meu governo é algo fundamental?, disse Dilma, lembrando o governo de Getúlio Vargas, fundador do PTB.

De acordo com a presidente, o PT e o PTB se identificam na busca pela melhoria das condições de vida dos trabalhadores e nos esforços por distribuição de renda.

Dilma afirmou que a gestão petista no Executivo, iniciada no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, realizou inclusão social sem tirar dos mais ricos. Segundo ela, o processo implementado pelo partido não é "a la Robin Hood".

?Nosso processo de distribuição de renda não é um processo que tira de uns para dar para os outros, não é processo a la Robin Hood. É um processo como uma onda. Tem mais ricos no país do que tinha antes. Mas os pobres, os que ganham menos, hoje têm acesso maior a um aumento de riqueza. Todos cresceram. Os pobres cresceram mais?, disse.

Fonte: G1