Dilma rebate afirmação de Serra sobre PIB

Ex-ministra rebateu afirmação de Serra sobre crescimento econômico

A petista Dilma Rousseff rebateu nesta terça-feira (22) as críticas de José Serra (PSDB) a respeito do crescimento de 9% da economia, informado pelo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no começo de junho. Dilma concedeu entrevista nesta terça-feira (22) à Rádio Educadora de Uberlândia, quando foi questionada sobre a afirmação do tucano. "Você pode ser oposição, mas não precisa torcer contra o país", criticou.

Em entrevista à TV Cultura, Serra negou que o país tenha registrado crescimento nesse patamar. "Ao contrário do que ocorreu no governo anterior, do qual Serra participou, onde havia estagnação, desiguladade e desemprego, é notório que o Brasil cresce", disse Dilma.

Ela citou a criação de mais de um milhão de empregos e a expectativa de fechar o ano com 2,2 milhões de novos postos como provas desse crescimento. Ela disse, porém, que prevê crescimento anualizado mais modesto até dezembro, com números oscilando entre 6 e 7%.

A petista aproveitou a conversa com os apresentadores para falar de suas propostas para o Triângulo Mineiro, sua proposta de manter os avanços do governo Lula e também sobre sua relação com o MST.

Trem de alta velocidade

Ela defendeu o projeto do trem de alta velocidade ligando Campinas, no interior de São Paulo, e Uberlândia, no Triângulo Mineiro, previsto no Programa de Aceleração do Crescimento 2 (PAC2). Ela disse que países pequenos e muito menos ricos, como Portugal e Espanha, têm o trem de alta velocidade integrando as cidades mais ricas.

"(O trem) vai criar nessa região uma grande oportunidade para aumentar a construção civil, para aumentar as cidades da região. Sobretudo para permitir que as pessoas tenham um fluxo maior e possam transitar pelo Brasil."

?Uberlândia é um centro, um entroncamento rodoviário que se liga a várias regiões do país?, disse, listando obras do governo federal que destacam essa importância. Dilma não deu detalhes sobre o projeto do trem de alta velocidade nem seu custo.

Chuvas

Em nota, a assessoria de imprensa da petista informou que ?em razão das enchentes que assolaram diversos municípios do Nordeste, desabrigando centenas de famílias, provocando mortes e acarretando grandes danos às populações, a candidata indicada pelo PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, decidiu cancelar sua participação nas festas juninas marcadas para esta semana em Caruaru (PE), Campina Grande (PB) e Aracaju (SE)?.

Segundo o texto, Dilma telefonou aos governadores de Pernambuco, Eduardo Campos, e de Alagoas , Teotônio Vilela Filho, ?manifestando solidariedade às populações dos dois estados. Ela entende que todos os esforços dos governos federal, estaduais e dos municípios devem estar voltados, neste momento, ao atendimento das comunidades atingidas.?

Fonte: g1, www.g1.com.br