Dilma Rousseff se reúne com empresários e investidores em Nova York

Na segunda (29), Dilma será recebida pelo presidente Barack Obama.

A presidente Dilma Rousseff teve neste domingo (28) o primeiro compromisso da agenda oficial nos Estados Unidos. Dilma participou de um encontro com empresários em Nova York, na companhia de cinco ministros. A comitiva chegou aos EUA no sábado (27) à noite.


Image title

Participaram da reunião os ministros Aldo Rebelo (Ciência e Tecnologia), Armando Monteiro (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), Nelson Barbosa (Planejamento), Mauro Vieira (Relações Exteriores) e Renato Janine Ribeiro (Educação).

Na segunda-feira (29), a presidente terá reuniões com investidores do setor financeiro e  empresários. Ainda em Nova York, recebe o ex-secretário de Estado americano Henry Kissinger e participa do encerramento do Encontro Empresarial sobre oportunidades de investimento em Infraestrutura no Brasil. Em seguida, segue para a capital Washington, onde será recebida pelo presidente Barack Obama.

Investimentos

Nos quatro dias em que permanecerá nos Estados Unidos, Dilma terá compromissos em Nova York, Washington e São Francisco. Nas três cidades, terá encontros com empresários dos setores financeiro, manufatureiro, de investimentos, tecnologia e inovação. O objetivo é retomar as relações diplomáticas, atrair investimentos para concessões na área de infraestrutura (aeroportos, portos, rodovias e ferrovias) e impulsionar a economia.

Ao chegar ao hotel St. Regis, no sábado à noite, Dilma foi perguntada sobre qual é a expectativa para o encontro com Obama. "Muito boa", respondeu a presidente. Ela não parou para conversar com a imprensa.

Esta é a primeira vez que a Dilma fará visita oficial ao país após as denúncias de que agências de inteligência norte-americanas teriam espionado líderes mundiais, incluindo a própria presidente, há quase dois anos – ela chegou a estar no país duas vezes, mas para participar da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

A comitiva presidencial é formada pelos ministros Mauro Vieira (Relações Exteriores), Jaques Wagner (Defesa), Joaquim Levy (Fazenda), Renato Janine Ribeiro (Educação), Armando Monteiro (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), Nelson Barbosa (Planejamento), Ricardo Berzoini (Comunicações), Aldo Rebelo (Ciência e Tecnologia), Kátia Abreu (Agricultura) e Izabella Teixeira (Meio Ambiente), além do assessor especial da Presidência para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia.


Fonte: Com informações do G1