Dois prefeitos são cassados no Maranhão

O prefeito cassado deve recorrer da decisão por meio de liminar para tentar voltar ao cargo

O prefeito de São João Batista, Eduardo Dominice (PDT) e a prefeita de Presidente Dutra, Irene Soares (PRB) foram cassados. Nos dois casos os prefeitos foram cassados por abuso de poder econômico, político, uso da máquina pública e compra de votos. Em São João Batista quem vai assumir o cargo é a segunda colocada nas últimas eleições, Surama Soares (PV), que tomou posse do cargo, na Câmara Municipal, na manhã desta quarta-feira (2).

- Realmente, o município está em frangalhos. Eu espero que, a partir de agora, a população possa ter mais segurança institucional. Era isso que estava faltando no município ? foi o que afirmou o deputado estadual Joaquim Haickel (PMDB), em entrevista ao programa Ponto Final, da rádio Mirante AM, na manhã desta quarta-feira.

O prefeito cassado deve recorrer da decisão por meio de liminar para tentar voltar ao cargo.

No caso de Presidente Dutra a sentença foi da juíza Rosa Maria Duarte, da 54ª Zona Eleitoral. Ela mandou cumprir a decisão após ?a intimação dos representados, independente de oposição de embargos?.

Como ela teve mais de 50% dos votos ,será realizada nova eleição na cidade. Até lá o presidente da Câmara deve assumir o comando do município. A prefeita foi multada em dez mil Ufirs e tornada inelegível por três anos, a contar da data da eleição.

Irene foi apelidada por adversários políticos em Presidente Dutra de ?Prefeita 31″, por passar 30 dias em São Luís e apenas um na cidade em que deveria administrar. O blog ainda não conseguiu o teor da sentença.

Fonte: Imirante, www.imirante.com.br