Dutra diz a Dilma que vai renunciar ao cargo de presidente do PT

Dutra diz a Dilma que vai renunciar ao cargo de presidente do PT

Licenciado desde 22 de março, Dutra sofre de depressão agravada por problemas neurológicos.

Em uma audiência ontem à noite, o presidente licenciado do PT, José Eduardo Dutra, informou à presidente Dilma Rousseff que renunciará ao cargo nesta sexta-feira (29), durante reunião do Diretório Nacional do PT.

Licenciado desde 22 de março, Dutra sofre de depressão agravada por problemas neurológicos.

Na conversa, segundo interlocutores de Dutra, Dilma quis saber sobre seu estado de saúde. Mas, dizendo-se informada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre sua decisão de não voltar ao comando do partido, não insistiu para que se mantivesse à frente da legenda.

Amanhã, Dutra fará um relato sobre seu estado de saúde ao PT. Mas não presidirá a reunião do Diretório.

REUNIÃO

A cúpula do PT se reuniu ontem à noite em um jantar para discutir a sucessão na presidência do partido. O comando petista avaliou duas alternativas para a substituição de Dutra: a permanência do vice-presidente Rui Falcão à frente da sigla até setembro ou a indicação definitiva do líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), para o cargo.

No jantar, Costa disse que não está em disputa pelo cargo de presidente, mas se colocou à disposição do partido.

Cotado para permanecer até o congresso, previsto para setembro, Falcão também participou da conversa, que invadiu a madrugada desta quinta-feira.

Há divergências no partido sobre o melhor modelo para a sucessão. A decisão será anunciada no sábado.

Fonte: UOL