"É preciso debater com quem pede a volta da ditadura", afirma Lula

O ex-presidente afirmou que defende os panelaços e manifestações.

Nesta terça-feira (01/09) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou da cerimônia de lançamento do Memorial da Democracia, portal multimídia interativo criado pelo Instituto Lula. Na ocasião ele afirmou que não existe ‘irracionalidade emocional’ nos protestos contra a presidente Dilma Rousseff que pedem a volta da ditadura militar.

Mas no entanto, ele declarou que defende que exista as manifestações e panelaços, lembrando que o PT já fez o mesmo. “É preciso saber os reais motivos por trás desses protestos em todo o país, tem uma coisa deformante nessa irracionalidade emocional. As pessoas tem ido para a rua pedir a volta dos militares, com esses manifestantes nós temos que debater”, afirmou ele.

Lula disse que as bandeiras dos protestos de hoje são diferentes das bandeiras que mobilizaram o PT, mas destacou que bater panelas é um ato democrático.  "A gente não pode estar nervoso porque tem gente fazendo manifestação contra nós. O que nós temos de medir a pressão é para saber se a gente está merecendo ou não", disse.

Image title


Fonte: Com informações do G1