Eleição não terá intervenção da justiça, diz petista

Eleição não terá intervenção da justiça, diz petista

Ele defende a chapa pela candidatura própria e afirma estar confiante com a vitória

Os petistas vivem a expectativa sobre a eleição interna no partido no dia 25 de março. Trata-se da decisão a respeito da opção pela candidatura própria ou a aliança com o prefeito Elmano Ferrer. Segundo Ataelson Carvalho, petista, não haverá intervenção da justiça comum para o impedimento ou liberação de delegados aptos a votarem.

" Não sabemos a lista com os nomes dos delegados que serão votantes. Já os filiados devem estar em dia com sua contribuição financeira para ter direito ao voto durante o processo", disse Ataelson ao meionorte.com.

Ele defende a chapa pela candidatura própria e afirma estar confiante com a vitória de sua tese. "Estamos trabalhando até o dia 25 com esse objetivo. Estamos defendendo uma tese, quando duas serão propostas. Não estamos discutindo nomes e sim, uma tese. Após a decisão, passaremos a discutir e defender as opções para candidatura própria", finalizou o petista.

Fonte: Marcos Moraes